Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Crise: Situação em Espanha será tida em conta na próxima avaliação do programa português -- Durão Barroso

Lusa

  • 333

Dar-es-Salaam, Tanzânia, 21 jul (Lusa) - O presidente da Comissão Europeia disse à Agência Lusa que fatores externos, nomeadamente a situação em Espanha, deverão "com certeza ser considerados" na próxima avaliação das capacidades de execução do programa de ajustamento económico de Portugal.

Em entrevista à Agência Lusa durante uma visita a Moçambique e Tanzânia, José Manuel Durão Barroso sublinhou que "o Governo e as autoridades portuguesas têm estado bem, no sentido de se concentrarem na execução do programa e não se deixarem distrair por cenários alternativos, que poderiam dar sinais errados, até aos próprios mercados".

Todavia, não excluiu "ajustamentos que possam vir a mostrar-se úteis", atendendo a desenvolvimentos no contexto externo com repercussões no país, como os problemas no setor bancário em Espanha, que levaram Madrid a pedir assistência financeira para a recapitalização da banca, aprovada formalmente na passada sexta-feira pelo Eurogrupo.