Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Contrução: Tecnovia avança para 'lay-off' que pode abranger 500 trabalhadores - sindicato

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 ago (Lusa) -- O presidente do Sindicato da Construção disse hoje à Lusa que até 500 trabalhadores da Tecnovia podem ir para 'lay-off' com a paragem das obras nas concessões rodoviárias do Alentejo e Algarve.

"Temos associados a dizer que a empresa não tem trabalho e que vai recorrer ao 'lay-off'. É uma empresa que se dedica a betuminosas, a estradas, e como estão a mandar parar as obras as empresas recorrem ao 'lay-off' ou à falência, atirando muitos trabalhadores para o desemprego", disse à agência Lusa Albano Ribeiro, presidente do Sindicato da Construção.

O dirigente sindical afirmou que o 'lay-off' (suspensão temporária dos contratos de trabalho) da Tecnovia poderá abranger "500 trabalhadores" devido à paragem das obras da "ligação do Alentejo para o Algarve".