Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

CONFAP considera "negligência grosseira" escolas deixarem de dar refeições por falta de pagamento

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 dez (Lusa) -- O presidente da Confederação Nacional de Associações de Pais (CONFAP) classificou hoje de "negligência grosseira" o facto de uma escola ter deixado dois irmãos sem refeições durante dois meses devido a uma dívida de 60 euros dos pais.

Albino Almeida comentava à agência Lusa um caso divulgado hoje pelo Jornal de Notícias de dois irmãos, de 7 e 9 anos, que estiveram nos últimos dois meses impedidos de almoçar na Escola Básica Ducla Soares, em Lisboa, devido a uma dívida de 60 euros.

É um caso de "negligência e comportamento verdadeiramente inapropriado e inaceitável por parte de uma escola em relação a uma criança", sublinhou.