Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ciclista dinamarquês Rasmussen pede indemnização de 5,8 ME à Rabobank

Lusa

  • 333

Redação, 18 dez (Lusa) -- O ciclista dinamarquês Michael Rasmussen, dispensado pela Rabobank na Volta a França de 2007, quando liderava a corrida, a quatro etapas do fim, por desrespeito aos regulamentos antidoping, processou aquela estrutura e pede 5,8 milhões de euros de indemnização.

O "trepador" escandinavo afirmou num tribunal de Arnhem, Holanda, que os responsáveis da equipa holandesa tinham tido conhecimento de que o atleta estaria a preparar a participação no "Tour" em Itália e não no México, como estava anteriormente previsto.

Rasmussen foi acusado de violar o código mundial antidopagem porque as brigadas antidoping foram ao México, a fim de submetê-lo a controlos, mas não o encontraram.