Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BE: José Manuel Pureza elogia liderança "paritária", que "desafia sistema político"

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 ago (Lusa)- O ex-líder parlamentar bloquista José Manuel Pureza confessou hoje ter "simpatia" por uma coordenação "a dois" e "paritária" do partido, considerando que é uma proposta "que desafia o sistema político", mas defendeu que é preciso "ponderar" todos os modelos.

Em declarações à agência Lusa, Pureza, membro da comissão política do partido, afirmou que nesta altura "todas as opiniões são boas" e que no BE o debate "sempre foi vivo e aberto", por isso, "tudo o que for demasiado afirmativo e conclusivo" para já "não é bom, porque ele está a ser feito nesta altura".

"Isto dito, acho que a proposta tem um mérito indiscutível que é o de colocar a questão da fórmula de direção do BE em termos de paridade, para mim bicefalia não é a palavra mais certa, é sim a da paridade, um homem e uma mulher", declarou, deixando elogios aos nomes apontados por Francisco Louçã para liderar o partido: João Semedo e Catarina Martins.