Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BCE não estará "no banco dos réus" quando TC alemão analisar programa de compra de dívida

Lusa

  • 333

Berlim, 09 jun (Lusa) - O Banco Central Europeu (BCE) não se senta "no banco" dos réus, apesar de o Tribunal Constitucional (TC) alemão se preparar para analisar, a partir de terça-feira, o processo de compra de dívida soberana pela instituição de Mario Draghi.

"Não estamos sentados no banco dos réus. Estamos convocados como especialistas e será uma boa ocasião para explicar novamente o programa de aquisição de dívida soberana", explicou o membro do Conselho de Governadores do BCE, Jörg Rasmussen, em declarações ao jornal alemão "Bild", hoje publicadas.

De acordo com o mesmo jornal, Rasmussen, a quem cabe o papel de defender por parte do BCE o denominado 'Outright Monetary Transactions' (OMT), considera tratar-se de um mecanismo juridicamente legítimo e economicamente apropriado, estabelecido para atuar perante novas crises nos mercados.