Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Australiano condenado a 45 anos de prisão pela morte de indiana

Lusa

  • 333

Sydney, 17 mai (Lusa) -- Um australiano de 21 anos foi hoje condenado a 45 anos de prisão pela violação e morte de uma estudante indiana de 24 anos que era sua vizinha em Sydney e cujo corpo atirou a um canal dentro de uma mala.

De acordo com informação judicial, Daniel Stani-Reginald, que se declarou culpado, planeou o homicídio durante anos antes de escolher a vítima, em março de 2011.

Depois de a violar e a matar, colocou o seu corpo numa mala de viagem, apanhou um táxi para um canal nas imediações e atirou a mesma para a água.