Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ativistas da Greenpeace escalaram plataforma de petróleo no Ártico russo

Lusa

  • 333

Moscovo, 18 set (Lusa) -- Dois ativistas da Greenpeace escalaram hoje uma plataforma petrolífera detida pelo gigante estatal russo Gazprom no Ártico russo, numa ação que visava a paragem da exploração de petróleo numa zona sensível, revelou o grupo ambientalista.

Os ativistas partiram antes do amanhecer em barcos insufláveis lançados do navio Arctic Sunrise, navio-mãe, e dirigiram-se à plataforma Prirazlomnaya da Gazprom localizada no mar Pachora.

A guarda costeira da Rússia conseguiu deter dois dos ativistas, mas outros dois conseguiram prender-se à plataforma com cordas apesar de serem atacados com água gelada lançada a partir da plataforma.