Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Associações europeias pedem ao Governo que reconsidere cortes na Casa da Música

Lusa

  • 333

Redação, 21 dez (Lusa) -- A associação que reúne algumas das maiores salas de concertos europeias veio hoje, através de comunicado, pedir ao Governo português que reconsidere o corte de 30% do apoio do Estado à Casa da Música.

A ECHO- European Concert Hall Organization (Associação Europeia de Salas de Concerto) afirma que "recebeu com alarme as notícias sobre um possível corte severo adicional nos fundos do Governo português à Casa da Música". Alerta ainda que "o facto de este anúncio chegar apenas agora para os orçamentos de 2012 e 2013, serve para aumentar o calamitoso impacto que isto terá na instituição".

Por estas razões, a associação onde estão representadas salas como a Cité de la musique de Paris, o Palau de la Música Catalana, de Barcelona ou o Barbican Centre, de Londres, solicita ao governo português "com veemência, que o Governo português reconsidere o último corte de financiamento, para que a Casa da Música possa continuar o seu trabalho vital".