Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Amr Moussa destaca importância de Portugal em parceria renovada para Mediterrâneo

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 abr (Lusa) -- Portugal pode desempenhar uma importante função na renovação da cooperação entre as duas margens do Mediterrâneo que necessita de novas ideias consensuais, considerou hoje em Lisboa o antigo secretário-geral da Liga Árabe, Amr Moussa.

"Portugal está entre os países que lançaram a primeira iniciativa mediterrânica em 1993, quando o Egito e a França apelaram ao estabelecimento de um Fórum mediterrânico", disse em declarações à Lusa o ex-secretário geral da Liga Árabe, cargo que ocupou entre 2001 e 2011.

"Portugal esteve entre as potências regionais que desencadearam esta operação económica. Depois surgiu o Processo de Barcelona, onde Portugal esteve muito ativo, e em 2008 surgiu em Paris a proposta da União para o Mediterrâneo, que não resultou", recordou o ex-chefe da diplomacia do Cairo (1991-2001) à margem da conferência "Portugal na Balança da Europa e do Mundo", organizada pela presidência da República no âmbito dos "Roteiros para o Futuro" e que hoje decorreu na Fundação Champalimaud.