Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Alegado assassino de irmã em Évora acusado pelo MP de dois crimes de homicídio qualificado

Lusa

  • 333

Évora, 28 nov (Lusa) - O alegado assassino de uma subdiretora do Igespar, sua irmã, há seis meses em Évora está acusado pelo Ministério Público (MP) de dois crimes de homicídio qualificado, um consumado e outro tentado, revelou hoje à Lusa fonte ligada ao processo.

A mesma fonte adiantou que Guilherme Páscoa, de 42 anos, que terá assassinado à facada a irmã Ana Bívar na noite de 30 de maio, na cidade de Évora, vai continuar em prisão preventiva.

De acordo com a fonte, o arguido, depois de notificado, pode requerer a instrução do processo, caso contrário este segue já para julgamento.