Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

As paredes do Bairro da Torre nunca mais serão as mesmas

Por um Bairro Melhor

O artista portugês Add Fuel também vai intervir nos muros do Bairro da Torre, em Cascais

Pedro Sadio

Artistas nacionais e internacionais vão participar no Muraliza – Festival de Arte Mural de Cascais e transformar as paredes do Bairro da Torre com arte urbana

À terceira edição, o Muraliza decidiu afastar-se do centro da vila de Cascais - onde estão instaladas as 25 obras de arte urbana produzidas nas edições anteriores do festival – e estender-se ao Bairro da Torre.

É em conjunto com a população deste bairro social construído nos anos 1960 que os artistas vão trabalhar, no sentido de ajudarem a mudar a face de algumas zonas, entre os dias 27 de junho, segunda-feira, e 5 de julho.

Entre os artistas que vão intervir no bairro estão a espanhola Paula Bonet, o italiano MoneyLess e os portugueses Daniel Eime, Kruella D'Enfer e Add Fuel.

No âmbito do festival, serão realizadas visitas guiadas em várias línguas para mostrar a arte urbana existente na vila. Sempre às 17h, haverá visitas a 1 de julho (português), 2 (inglês) e 4 (português e espanhol). O coletivo HalfStudio também vai realizar um workshop de lettering gratuito (30 de junho, 1 de julho). A inscrição prévia pode ser feita aqui.

A criadora do Muraliza, Lara Seixo Rodrigues, acredita que o festival tem contribuído para aumentar a autoestima local e quebrar estigmas relativamente a bairros de contextos mais vulneráveis.