Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

VISÃO História sobre o franquismo

Visão História

Está nas bancas um número dedicado aos anos em que Francisco Franco comandou os destinos de Espanha

Numa altura em que em Espanha se discute a exumação do corpo do ditador, a VISÃO História dedica uma edição ao franquismo, contando com a colaboração de Pilar del Río, jornalista e presidenta da Fundação Saramago, de dois professores universitários espanhois, Enrique Moradiellos e Carme Molinero, e de um investigador português, Manuel Loff.

Imagens

Cronologia: a longa luta pela democracia

Um país em luta consigo mesmo A guerra civil de 1936-1939, da qual sairia a ditadura franquista, não surgiu do nada – é resultado de pelo menos um século de contradições, indefinições, perplexidades e choques. Por Luís Almeida Martins

O dia do golpe A data de 18 de julho seria comemorada durante toda a vigência da ditadura franquista. Foi nesse dia, em 1936, que parte do exército se sublevou contra a República. Por Ricardo Silva

Francisco Franco, mito e realidade Via-se como um enviado da Providência, viveu na pompa de uma realeza não coroada, beneficiou da conjuntura da Guerra Fria e morreu sem entender os novos tempos. Por Enrique Moradiellos

Os pilares do regime Como funcionava e qual era a essência do franquismo? Que «valores» defendia? Havia simulacros eleitorais como no Estado Novo português? As respostas, em síntese

Viver num país a preto-e-branco Durante quatro décadas, a Espanha foi um país fora do tempo e do espaço geográfico que é o seu. Testemunho de quem viveu o pesadelo. Por Pilar del Río

Família real: um exílio dourado No luxuoso, embora discreto, exílio do Estoril, passou a família real espanhola quase 30 anos. Um dia, a morte do filho mais novo dos condes de Barcelona carregou de negro os tons do quadro. Por Luís Pedro Cabral

Relações externas: do ostracismo ao fim do isolamento Depois de ter estado «orgulhosamente só», a Espanha será progressivamente aceite no «concerto das nações» com a ajuda interessada do «amigo americano». Por Pedro Caldeira Rodrigues

O 'milagre económico' O franquismo conheceu uma segunda vida a partir dos anos 60, com os «tecnocratas» da Opus Dei. A economia cresceu à boleia do turismo e das grandes indústrias, garantindo a continuidade do regime. Por Clara Teixeira

Um 'Seiscentos' para todos O carro da SEAT que pôs a classe média a andar sobre quatro rodas foi uma bandeira do regime

A longa marcha da oposição O medo dos primeiros tempos acabaria por dar lugar a atuações mais desassombradas dos movimentos antifranquistas clandestinos, sem que o nível de repressão diminuísse. Por Carme Molinero

ETA, nome de guerra Ao contrário dos outros nacionalismos espanhóis (designadamente o catalão e o galego), o do País Basco ficou conotado com os métodos terroristas da sua organização mais conhecida

A arte de fazer oposição Picasso foi um dos mais emblemáticos detratores de Franco, mas muitos outros artistas usaram o seu talento para denunciar o regime. Por Vânia Maia

EPISÓDIOS DA TRANSIÇÃO A passagem da ditadura franquista à democracia sintetizada através de oito momentos decisivos. Por Cesário Borga

Crónica: Franco morto, rei posto O funeral do ditador espanhol e o juramento de Juan Carlos I vistos por quem acompanhou in loco os acontecimentos. Por Luís Almeida Martins

A lei que recupera a memória de um país O direito de dar uma sepultura digna aos assassinados enterrados em valas comuns foi transformado numa luta entre a direita e a esquerda. Por Joana Rei

Desenterrar Franco para enterrar o franquismo Num país que não viveu uma revolução como Portugal, a imponente sepultura do ditador perpetua a presença do passado

Os meninos roubados Só no início deste século começaram a vir a público notícias sobre as crianças que tinham sido retiradas pelo franquismo aos seus opositores, durante a guerra civil e depois dela. Para milhares de espanhóis começou então a busca pela sua verdadeira identidade. Por Emília Caetano

PORTUGAL E FRANCO: As contradições do nacionalismo salazarista Alterando o discurso oitocentista de «perigo espanhol», o ditador português apostou tudo na aliança com o franquismo, antes de os dois regimes passarem a viver novamente de costas voltadas. Por Manuel Loff

A visita que o 'Caudillo' desejou Lisboa, 1949. Após um ano de negociações, Franco fazia a primeira deslocação oficial fora de portas

À beira da rutura Em setembro de 1975, as relações ibéricas estiveram por um fio, quando manifestantes assaltaram a embaixada e o consulado de Espanha em Lisboa. Por Pedro Vieira

Da ficção à História Cinco sugestões de romances traduzidos para português que podem ajudar a entender melhor os silêncios do passado e as discussões do presente. Por Inês Espada Vieira

Na imprensa cor-de-rosa O ditador Francisco Franco e a sua família foram muitas vezes tema de capa da revista Hola!

Se não encontrar esta edição nas bancas, pode encomendá-la na Loja TIN.