Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Gonçalo Cadilhe

Gonçalo Cadilhe

  • O lado macabro da viagem

    O mais comovente de todos estes pontos absolutos do horror humano que jamais visitei foi o cemitério dos prisioneiros de guerra de Kanchanaburi, na Tailândia. Crónica de viagem de Gonçalo Cadilhe

  • Sim, leram bem

    Quando desembarcamos nas ilhas flutuantes do lago Titicaca, pensamos que perdemos a ligação com o planeta carinhoso e aprazível em que crescemos. Crónica de viagem de Gonçalo Cadilhe

  • Tongariro em mim

    Acredito que a actividade de caminhar desperte uma reacção em cadeia no nosso metabolismo que nos torna mais leves e despertos e nos provoca uma serenidade subliminar muito parecida com a ideia de felicidade

  • O sítio mais bizarro que conheci

    Talvez este pequeno recanto do universo seja apenas uma miniatura do mundo em que vivemos – uma imagem daquilo em que em breve o planeta Terra se vai tornar, enquanto continuamos alegremente a esgotar os seus recursos naturais

  • Promontórios

    De cada vez que regresso a Manarola, coloco a mesma questão, sem que alguém me possa dar a resposta: porque é que deram a melhor vista aos mortos?

  • Zona de silêncio

    Imagina-te a tomares a decisão de te retirares para um mosteiro no meio dos Alpes, coberto por neves permanentes durante meses seguidos, dedicado a uma vida de oração, contemplação, trabalho manual e silêncio

  • Opinião

    Gonçalo Cadilhe

    Hub

    Apesar de ao longo dos anos ter passado tempo em quase todos eles, nunca consigo recordar o aspecto dos aeroportos, são todos iguais

  • O primeiro dia da monção

    Em Cochim, testemunhei a chegada da monção, o regresso da chuva depois da temporada seca. Para nós, o regresso da chuva é uma contrariedade que nos atrapalha o dia. Para os indianos é um exorcismo que regenera a própria vida