Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cinco novos ministros no novo Governo de António Costa

Legislativas 2019

PATRICIA DE MELO MOREIRA/ Getty Images

Presidente da República aceitou a proposta do primeiro-ministro e tomada de posse acontece na próxima semana. Próximo Governo terá cinco novos ministros, quatro deles como ministros de Estado. Conheça a lista de nomes completa

António Costa vai ter cinco novos ministros no seu Governo, quatro deles com o estatuto de ministros de Estado. É o caso de Pedro Siza Vieira, Augusto Santos Silva, Mariana Vieira da Silva e Mário Centeno (que surge como quinto na hierarquia do novo Executivo).

De acordo com a nota publicada no site da Presidência, Marcelo Rebelo de Sousa já aceitou a proposta apresentada por António Costa e, por isso, a tomada de posse ocorre já na próxima semana (ainda com data a anunciar).

Há cinco novos ministros na equipa de Costa. Alexandra Leitão deixa a secretaria de Estado da Educação e assume o novo Ministério da Modernização do Estado e da Administração Pública; Ana Mendes Godinho fica com a tarefa de substituir uma saída de peso (Vieira da Silva), passando a dirigir o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social; Ana Abrunhosa, que chego a ser dada como hipótese para integrar as listas do PS às europeias, será a próxima ministra da Coesão Territorial (também uma novidade na orgânica do Governo); a quarta mulher do grupo de novos elementos é Maria do Céu Albuquerque, que substitui Capoulas Santos na pasta da Agricultura; e, por fim, o ex-eurodeputado Ricardo Serrão Santos herda a área que até agora estava nas mãos de Ana Paula Vitorino, o Mar.

Além do reforço de mulheres na equipa de Governo, há ainda outra nota de destaque na hierarquia: Pedro Siza Vieira sobe a número dois do Executivo, uma vez que é apresentado como futuro ministro de Estado, da Economia e da Transição Energética. Para este grupo entram, também, Augusto Santos Silva, que passa a ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Mariana Vieira da Silva, nova ministra de Estado e da Presidência, e Mário Centeno, ministro de Estado e das Finanças.

Dada como muito possível baixa, Francisca Van Dunem mantém-se à frente do Ministério da Justiça, da mesma forma que Manuel Heitor continua como ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Sem grande novidade, Marta Temido segura a pasta da Saúde (o próprio António Costa já tinha, aliás, dito durante a campanha que a ministra ainda faria "muito mais e melhor") e Matos Fernandes continua no Ambiente. Tal como Pedro Nuno Santos, que, desde há um ano, lidera o Ministério das Infraestruturas e da Habitação. Tiago Brandão Rodrigues também continua à frente do Ministério da Educação, Eduardo Cabrita na Administração Interna e João Gomes Cravinho na Defesa Nacional.

Conheça a lista de figuras que compõem o novo Governo:

  • Primeiro-Ministro - António Costa;
  • Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital - Pedro Siza Vieira;
  • Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros - Augusto Santos Silva;
  • Ministra de Estado e da Presidência - Mariana Vieira da Silva;
  • Ministro de Estado e das Finanças - Mário Centeno;
  • Ministro da Defesa Nacional - João Gomes Cravinho;
  • Ministro da Administração Interna - Eduardo Cabrita;
  • Ministra da Justiça - Francisca Van Dunen;
  • Ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública - Alexandra Leitão;
  • Ministro do Planeamento - Nelson de Souza;
  • Ministra da Cultura - Graça Fonseca;
  • Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - Manuel Heitor;
  • Ministro da Educação - Tiago Brandão Rodrigues;
  • Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social - Ana Mendes Godinho;
  • Ministro da Saúde - Marta Temido;
  • Ministro do Ambiente e da Ação Climática - João Pedro Matos Fernandes;
  • Ministro das Infraestruturas e da Habitação - Pedro Nuno Santos;
  • Ministra da Coesão Territorial - Ana Abrunhosa;
  • Ministra da Agricultura - Maria do Céu Albuquerque;
  • Ministro do Mar- Ricardo Serrão Santos;
  • Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares - Duarte Cordeiro;
  • Secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro - Tiago Antunes;
  • Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros - André Moz Caldas

Neste governo, incluindo secretários de Estado, foram nomeados 15 homens e 8 mulheres.