"Não podemos afirmar que os europeus descobriram o resto do mundo. Dizê-lo significa aceitar que aqueles povos  não são nossos iguais"
Sociedade

"Não podemos afirmar que os europeus descobriram o resto do mundo. Dizê-lo significa aceitar que aqueles povos não são nossos iguais"

O polémico tema da descolonização dos museus foi o propósito para termos ouvido Nicholas Mirzoeff, professor universitário, ativista visual e defensor daquele movimento, há já dois anos

"Não podemos afirmar que os europeus descobriram o resto do mundo. Dizê-lo significa aceitar que aqueles povos  não são nossos iguais"
Ideias

"Não podemos afirmar que os europeus descobriram o resto do mundo. Dizê-lo significa aceitar que aqueles povos não são nossos iguais"

Leia ou releia a entrevista a Nicholas Mirzoeff, Professor universitário e ativista visual, defensor do polémico tema da "descolonização dos museus"

Pelo Princípio

A impotência da Europa

Alguém sabe o que fazer?

Pelo Princípio

Crónica de Natal

A religião e a exteriorização dos sentimentos

Auto-retrato de Rembrandt autenticado
Sociedade

Auto-retrato de Rembrandt autenticado

Um misterioso retrato doado a uma instituição de caridade britânica, como parte de um lote de várias pinturas, é na verdade uma obra do mestre holandês Rembrandt Van Rijn - avaliada em mais de 23 milhões de euros.

Jornal de Letras
Jornal de letras

Ronda da Noite - O cão do Capitão Frans Banning Cocq

Peter Greenaway encontrou um crime oculto e fez um filme, Agustina Bessa Luís pretexto e motivo para um romance. A nós só nos interessa saber de quem era o cão da companhia militar do Capitão Frans Banning Cocq, que é como quem diz do quadro "A ronda da noite", que Rembrandt só pintou para poder pagar as contas de mercearia