Em sincronização

Máscaras, tribos e karma

Bolsonaro confirmou ter Covid-19. Por enquanto apenas com sintomas ligeiros. Boris Johnson, que no início também desvalorizou o perigo, já recebeu a sua lição e esteve internado. Não sou de desejar o mal alheio, mas aprecio quando se prova do próprio veneno. Chamem-lhe justiça divina, universal ou karma

Mafalda Anjos
Editorial

Conformados com uma Terra inabitável?

O regresso tem de ser verde. Todos os passos da retoma, dos incentivos públicos aos pequenos gestos privados, devem ser pensados de forma a melhorar o ambiente e as condições de vida no planeta

Mafalda Anjos
Em sincronização

Aprender a dançar esta dança

Vamos ter de nos habituar a viver assim: ao sabor do ritmo imposto pela evolução da Covid. E não é descabido pensar numa estratégia de desconfinamento que é diferente entre regiões, tendo em conta o risco de contágio e o valor de R0, que indica a taxa de reprodução da infeção, tal como acontece já, por exemplo, no país vizinho

Mafalda Anjos
Editorial

Racistas, nós?!

O tema do antirracismo não pode ser da esquerda nem da direita. Tal como a igualdade, este tema tem de ser de todos. E não, não pode bastar-nos não sermos racistas, temos de ser ativamente antirracistas

Mafalda Anjos
Opinião

Otimismo irritante

Voltaire, que era um grande pessimista, escreveu um belo romance, satírico, claro está, sobre o otimismo. Parece que temos um Governo imbuído do mantra do mestre Pangloss: “Tudo vai pelo melhor no melhor dos mundos possíveis”

Mafalda Anjos
Editorial

Trump e a carnificina americana

Trump gere a crise com o tato de um bulldozer, a consciência social de um pedregulho e o egocentrismo de um Narciso

Mafalda Anjos
Editorial

Quanto vale Ana Gomes contra André Ventura?

É bom de ver que estes são tempos favoráveis aos populismos e aos discursos extremados, e André cavalgará o medo e a ignorância como quem monta um puro-sangue lusitano: num passo confortável e seguro, em que levará como bandeiras o estado da saúde, a corrupção, a justiça, a segurança e a moral

Mafalda Anjos
Em sincronização

Nas mãos da Alemanha

Este é o momento da verdade para a Europa. Joga-se avançar ou morrer. É urgente reforçar a união e, como está bom de ver, resolver também as tensões em torno do mandato do BCE, o que implica uma emenda dos tratados de forma a não ser preciso interpretações criativas da lei. Sem esse salto adiante, o projeto europeu falhará

Mafalda Anjos
Editorial

E, afinal, onde anda o dinheiro?

Há, neste momento, muitos empresários em SOS no meio da tempestade, aflitos para se manterem à tona de água, e muitas famílias dependentes desta boia que tarda em chegar

Mafalda Anjos
COVIDiário

Entrada na anormalidade

Devíamos abolir do léxico a expressão “regresso à normalidade”. É bom que ponhamos na cabeça que o nosso velho normal já não existe, nem vai regressar tão cedo

Mafalda Anjos
Editorial

Viver em liberdade condicional

É espantoso, ou talvez não, ver a facilidade com que trocamos liberdades por confortos. Mesmo perante o que para alguns são inimagináveis cenários pós-apocalípticos de videovigilância permanente, monitorização dos nossos passos e alertas de contágios perigosos através dos telemóveis, muitos encolhem os ombros e resignam-se sem pestanejar nem questionar

Mafalda Anjos
Em sincronização

E agora, Mutti Merkel?

O que é fundamental agora é um corajoso plano económico e financeiro integrado, que não acontecerá sem uma mutualização da dívida europeia. Chamem-lhe eurobonds, coronabonds, salvationbonds, frogbonds (como o sapo que alguns países vão ter de engolir) – o que quiserem. Mas avancem

Mafalda Anjos
Editorial

Dos afetos à contenção

Os tempos de emergência justificam limitar as suas intervenções públicas do Presidente da República ao mínimo essencial – dando sentido de Estado e importância a cada uma delas

Mafalda Anjos
Em sincronização

O déjà vu da desunião europeia

Parece tudo um triste déjà vu, uma repetição da resposta à crise da dívida de 2009 que quase deitou abaixo o euro

Mafalda Anjos
Editorial

E atirar dinheiro de helicópteros?

É preciso dinheiro – dinheiro às pazadas. Parece louco, mas o que vivemos são tempos loucos

Mafalda Anjos
Em sincronização

Tenha calma e fique em casa

É preciso fazer uma gestão duríssima de recursos escassos, atender a exigências nunca vistas, apontar caminhos sem certezas de sucesso. Criticar é fácil. Apontar o dedo, também. Mas fazê-lo sem fundamento nem alternativa, por puro oportunismo, revela uma falta de sentido de Estado sem limites

Mafalda Anjos
Editorial

Covid-19: A nossa “finest hour”

Não estamos preparados. Só nos resta fecharmo-nos obedientemente em casa e assim tentarmos evitar o pior

Mafalda Anjos
Em sincronização

O Quase Fim do Mundo

É nos flagelos e calamidades que conhecemos a essência humana, e ela, por mais civilização que lhe ponhamos em cima, será sempre uma: egoísta

Mafalda Anjos
Em sincronização

Eutanásia: liberdade, igualdade e compaixão

Acredito que, daqui a algumas décadas, a eutanásia será tão inquestionável como é hoje a inexistência da pena de morte, os direitos iguais para as mulheres, a despenalização do aborto e o casamento homossexual

Mafalda Anjos
Editorial

A sobrecarga delas e a crise existencial deles

Vejo muitas mulheres da minha geração, feministas das portas para fora, desenvoltas, inteligentes e reivindicativas no espaço público, a comportarem-se como “donas de casa” dos anos 60 nas suas vidas pessoais

Mafalda Anjos
Em sincronização

O grande irmão

Permitir incriminar-se e, pior, dar como provados crimes com base em provas obtidas de forma ilegal é abrir o mais perigoso dos precedentes. É dizer-se que há situações em que a Constituição não importa muito, e que a lei pode ser “excecionalmente” furada

Mafalda Anjos