Imobiliário
Exclusivo

Imobiliário: Começou a corrida ao negócio dos terrenos

A classe tradicionalmente menos vendida de imóveis está a registar uma procura inesperada, que disparou mais de 70% num ano. Rústicos ou nas periferias das cidades, para uso pessoal ou comercial, os terrenos tornaram-se mais apetecíveis com a pandemia 

Imobiliário

Preço das casas com uma das subidas "mais expressivas desde março de 2020"

Não chegou a 1% mas é uma novidade na dinâmica do mercado imobiliário desde que a pandemia chegou a Portugal

Hugo Venâncio | Reatia Exame Informática
Exame Informática

Ele sabe quanto tempo a sua casa demorará a ser vendida. Dizem-lhe os algoritmos

Hugo Venâncio criou a Reatia, startup sediada em Leiria que usa sistemas de processamento de linguagem natural e de reconhecimento visual por computador para criar uma identificação única dos imóveis e com uma precisão de 97%. Plataforma é destinada a agentes imobiliários, mas tem efeito no consumidor final ao garantir que o imóvel tem o preço mais justo – dentro do possível – face à realidade do mercado

Imobiliário

Apesar da pandemia, maio regista valor histórico nos vistos Gold

Os vistos Gold atribuídos em maio mais do que duplicaram em relação ao mês homólogo do ano passado, mas este resultado "não é sustentável a médio-prazo", defende o CEO da Imovendo

Imobiliário

Preços das casas podem baixar até 10%

A análise é da consultora Imovendo que estima um período superior a um ano para que a atividade consiga algum equilíbrio. Preços das casas podem baixar até 10%

Imobiliário

Mais de metade do Alojamento Local de Lisboa com agravamento fiscal

A maioria dos proprietários tem no alojamento local a sua "principal ou única fonte de rendimento", diz a ALEP, referindo que serão mais de 5.000 famílias afetadas com o aumento de impostos

Imobiliário

Venderam-se €6,5 mil milhões em casas em apenas três meses

Todos os dias são vendidas, em média, 509 casas de norte a sul do País

PS: rever e continuar
Economia

O IVA das touradas a 6%, IRS na mesma e outros resultados da votação na especialidade do OE para 2019

Estas foram as propostas aprovadas e chumbadas nos primeiro e segundo dias de votação na especialidade do Orçamento do Estado para 2019. Ao todo, são quse mil as propostas de alteração apresentadas pelos partidos nesta reta final da discussão orçamental no Parlamento

IRS Automático: Aviso à navegação
Bolsa de Especialistas

IRS: Já fez tudo o que devia?

Olhe que isto é sério. Há casos em que estamos a falar de centenas ou milhares de euros.

Preço das casas no centro histórico de Lisboa terá atingido limite
Política

Boa exposição solar e terraço podem agravar IMI

O IMI pode aumentar ou diminuir consoante a exposição solar ou a qualidade ambiental da habitação, segundo um diploma publicado esta terça-feira em Diário da República, que aumenta a variação máxima prevista para o coeficiente de 'localização e operacionalidade relativas'

Atualidade

Mercado de arrendamento entre os 300 e os 500 Euros !

A oferta é assim (ainda) maior. As leis do mercado, seja ele qual for, regem-se pela oferta e pela procura. Ora, do lado da oferta, o crescimento é exponencial, casas novas 'virgens', casas devolutas e sem inquilinos, casas de pessoas que foram obrigados, forçados a emigrar a bem da necessária sobrevivência. Do lado da procura, tanta e tanta gente, um pouco por toda a parte, famílias desfeitas, sem lar, entregaram as suas casas aos bancos hipotecários, sem dinheiro para pagarem as suas casas, hipotecadas e transferidas para os bancos. Do lado da procura, toda esta 'gente na rua', está na fila dos que precisam de arrendar uma casa.

Exame
Exame

Banca imobiliária

Banif está a criar uma parceria internacional, Caixa aposta nos leilões e BCP criou a marca M Imóveis. O imobiliário é hoje uma área de negócio séria nos bancos.

'Troika' diz que programa está no bom caminho
Economia

Imóveis acima de um milhão de euros sofrem nova tributação já este ano

Esta será uma tributação em sede de imposto de selo, será criada já em 2012 e manter-se-á em 2013

Economia

2011: o estouro da China?

Em Novembro de 2001, dois meses após os ataques terroristas em Nova Iorque, Jim O'Neil abanava novamente o mundo com o seu relatório intitulado "Construir melhores BRICs económicos globais" onde alertava para a crescente importância das quatro grandes economias emergentes: o Brasil, a Rússia, a Índia e a China. O autor e director da investigação económica do Goldman Sachs, avançava que a China, em breve, se tornaria numa das maiores potências económicas do mundo.