"É arrepiante que no século XXI ainda se jogue ao póquer com o destino dos povos. Esta crítica vale para catalanistas e espanholistas"
Ideias

"É arrepiante que no século XXI ainda se jogue ao póquer com o destino dos povos. Esta crítica vale para catalanistas e espanholistas"

Leia ou releia a entrevista a Gabriel Magalhães, professor universitário, especialista em língua e cultura espanhola, escritor e cronista do diário catalão La Vanguardia