Economia

Alívio da dívida permite poupar 6 mil milhões de dólares até 2023 -- Governo angolano

A ministra angolana das Finanças, Vera Daves, afirmou hoje que as iniciativas para o alívio da dívida negociadas pelo Governo angolano se deverão traduzir numa poupança de seis mil milhões de dólares (cinco mil milhões de euros) até 2023

Lusa
Economia

Covid-19: Recuperação tem de garantir resiliência das economias em África - FMI

A diretora-geral e o diretor do departamento africano do Fundo Monetário Internacional consideraram hoje que o continente precisa de garantir uma recuperação sustentável e resiliente, que prepare a região para futuros choques

Lusa
Política

FMI adia pagamento a Angola à espera de acordo com a China - Eurasia

A consultora Eurasia considerou hoje que o Fundo Monetário Internacional adiou o pagamento do empréstimo a Angola para avaliar a reestruturação da dívida do país à China, devendo também aumentar o programa em 740 milhões de dólares

Lusa
Mundo

Ajuda externa: Tribunal de Contas Europeu vai examinar supervisão pós-programa

O Tribunal de Contas Europeu vai examinar a supervisão pós-programa dos Estados-membros que receberam ajuda externa na sequência da crise do euro, entre os quais Portugal

Lusa
Política

FMI adia discussão de reforço de empréstimo a Angola até à "segunda metade" de agosto

O conselho executivo do Fundo Monetário Internacional (FMI) adiou uma reunião para discussão de um reforço de 740 milhões de dólares (637 milhões de euros) do empréstimo a Angola até à "segunda metade" do mês, noticia a Bloomberg

Lusa
Política

Covid-19: FMI aprova desembolsos de 4,03 ME para São Tomé e Príncipe

O conselho executivo do Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou dois desembolsos no valor total de 4,03 milhões de euros para São Tomé e Príncipe, após a conclusão da primeira avaliação ao programa de apoio

Lusa
Economia

Angola com "folga" de 680 milhões de euros em programa do FMI -- Governo

Angola tem "uma folga" de cerca de 800 milhões de dólares (680 milhões de euros ao câmbio atual) no plano do Fundo Monetário Internacional (FMI)

Lusa
Política

Angola pede mais 637 milhões de euros ao FMI -- imprensa angolana

O Governo angolano pediu um aumento de cerca de 740 milhões de dólares (637 milhões de euros) ao Fundo Monetário Internacional (FMI) no âmbito do programa de financiamento ampliado, noticia hoje a imprensa angolana

Lusa
Economia

Covid-19: Antigo economista do FMI elogia resposta económica do Brasil mas critica liderança

O antigo economista do Fundo Monetário Internacional (FMI) Paulo Leme considerou hoje que o Brasil tem dado uma resposta satisfatória à crise económica provocada pela pandemia de covid-19, mas criticou a liderança do país

Lusa
Economia

Covid-19: G20 só vai decidir sobre extensão da moratória da dívida em outubro

O grupo das 20 nações mais industrializadas (G20) decidiu hoje adiar para o final do ano a decisão sobre a extensão da moratória sobre a dívida dos países mais vulneráveis à pandemia de covid-19

Lusa
Economia

Covid-19: Diretora-geral do FMI pede mais ação para a recuperação económica

A diretora-geral do FMI pediu mais ação para fomentar a recuperação económica pós-pandemia, após uma reunião virtual com ministros das Finanças e governadores dos Bancos Centrais do G20

Lusa
Economia

Covid-19: Crise entrou em nova fase mas mundo "não está fora de perigo" - FMI

A diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI) disse hoje que a crise provocada pela pandemia entrou numa nova fase, que exige flexibilidade para assegurar "uma recuperação sustentável e equitativa", alertando que o mundo "não está fora de perigo"

Lusa
Economia

Dívida pública mundial atingirá pico histórico em 2020 - FMI

A dívida pública mundial vai atingir um nível inédito este ano, representando 101,5% do Produto Interno Bruto mundial, mais do que no fim da Segunda Guerra Mundial, dizem responsáveis do FMI

Lusa
Política

Guiné-Bissau enfrenta riscos sistémicos de corrupção e é preciso combate estratégico - FMI

A Guiné-Bissau enfrenta riscos sistémicos de corrupção, que deve ser combatida com uma política abrangente e estratégica, defende o Fundo Monetário Internacional (FMI), num documento para melhorar a governação e as medidas anticorrupção no país

Lusa
Economia

FMI piora recessão em todos os PALOP com exceção de Moçambique

O Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou hoje as previsões de crescimento para todos os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), agravando a recessão em todos, à exceção de Moçambique, que deverá crescer 1,2% este ano

Lusa
Economia

FMI aprofunda recessão de Angola para 4% este ano

O Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou hoje a previsão de evolução da economia de Angola, antecipando agora uma recessão de 4% este ano, o que coloca o PIB angolano em queda pelo quinto ano consecutivo

Lusa
Economia

Covid-19: FMI piora previsões e espera recessão mundial de 4,9% em 2020

O Fundo Monetário Internacional (FMI) piorou hoje as previsões macroeconómicas para a recessão esperada em 2020, apontando agora para uma queda de 4,9% da economia mundial

Lusa
Economia

Covid-19: FMI piora recessão do Brasil para 9,1% este ano

O FMI piorou hoje a previsão de recessão para o Brasil, antecipando agora um crescimento negativo de 9,1%, que é 3,8 pontos percentuais pior do que os 5,3 estimados em abril

Lusa
Economia

Covid-19: FMI duplica previsão de recessão para África e estima queda de 3,2%

O FMI antecipa que as economias da África subsaariana tenham uma recessão económica de 3,2%, este ano, o que duplica a previsão feita em abril, que estimava uma queda de 1,6% no PIB

Lusa
Economia

Covid-19: Sociedade civil moçambicana critica estratégias do FMI para evitar má gestão de fundos para África

O Fórum de Monitoria do Orçamento (FMO) moçambicano defendeu que as estratégias do Fundo Monetário Internacional (FMI) para garantir transparência na gestão de fundos disponibilizados aos países africanos são insuficientes, reiterando a necessidade de uma fiscalização externa

Lusa
Economia

Covid-19: Guterres considera "imperativo" redesenhar um mundo mais equilibrado

O secretário-geral da ONU, António Guterres, declarou hoje que a comunidade internacional deve redesenhar e reequilibrar as suas economias e sociedades após uma pandemia que "expôs a fragilidade mundial"

Lusa