Visão Saúde
VISÃO Saúde

Covid-19: Dose de reforço da vacina não deve ser prioritária. E há dados que o comprovam

Um novo estudo vem reforçar que a eficácia das vacinas contra formas graves de Covid-19 ronda os 95%, mesmo perante a variante Delta. Os investigadores sublinham que a prioridade deve ser inocular os não vacinados