Guerra na Ucrânia

Alto-comissário da ONU chocado com destruição na Ucrânia após visita de seis dias

O Alto-comissário da ONU para os Refugiados admitiu hoje estar chocado com a destruição causada pela guerra na Ucrânia, no final de uma visita de seis dias ao país, e pediu aos doadores que continuem a dar apoio

Mundo

Frente Polisário aprova retoma da luta armada contra Marrocos

A Frente Polisário decidiu hoje "apoiar incondicionalmente" a proposta da direção reeleita do movimento de libertação de "retomar a luta armada" contra Marrocos, pondo fim aos acordos de cessar-fogo de 1991

Mundo

Cerca de 350 refugiados 'rohingyas' morreram no mar em 2022

Pelo menos 348 pessoas da minoria muçulmana 'rohingya' morreram ou desapareceram a tentar atravessar as perigosas rotas do mar de Andamão e da baía de Bengala em 2022, divulgou hoje o Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR)

Mundo

Refugiados: Situação vai piorar em 2023 porque muitos conflitos vão descontrolar-se

O alto-comissário da ONU para os Refugiados, Filippo Grandi, alertou hoje que muitos conflitos podem ficar descontrolados e muito violentos em 2023, o que aumentará a complexidade da situação dos refugiados e deslocados

Mundo

Migrações: Um em cada cinco deslocados do mundo vive no continente americano -- ONU

Uma em cada cinco pessoas no mundo que são obrigadas a viver deslocadas de casa vive no continente americano, afirmou hoje o Alto-Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, Filippo Grandi, após uma visita de quatro dias à região

Mundo

Suíça suspende programa de acolhimento de refugiados vulneráveis

A Suíça suspendeu a sua participação num programa da ONU destinado a realojar refugiados vulneráveis, alegando falta de capacidade de acolhimento devido ao afluxo de pessoas que fugiram da guerra na Ucrânia, anunciaram hoje as autoridades

Mundo

ONU pede mais fundos para responder às crescentes crises humanitárias

A ONU pediu hoje mais fundos para, em 2023, responder às crescentes necessidades humanitárias, impulsionadas pelo conflito na Ucrânia e pelos efeitos das alterações climáticas, tais como o risco de fome em África

Mundo

Migrações: Política da UE deve dar prioridade a segurança e solidariedade - ONU

O Alto-comissário da ONU para os Refugiados, Filippo Grandi, pediu hoje à União Europeia (UE) que coloque a segurança e solidariedade no centro da resposta às questões migratórias que serão debatidas na sexta-feira pelos Estados-membros

Mundo

Milhões de refugiados vão enfrentar o inverno mais difícil dos últimos anos

Milhões de pessoas da Ucrânia, Afeganistão e Médio Oriente vão enfrentar, este ano, o inverno mais difícil dos últimos anos e muitos terão de escolher entre comida e calor, avisou hoje a agência da ONU para os refugiados

Mundo

ACNUR pede aos líderes mundiais que incluam refugiados nos debates da COP27

O alto comissário das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), Filippo Grandi, pediu hoje aos líderes mundiais que não esqueçam as pessoas deslocadas nas discussões sobre a crise climática que ocorrerão durante a COP27 no Egito

Mundo

Refugiados e deslocados aumentam 15% até junho e somam 103 milhões

Mais de 103 milhões de pessoas fugiram das suas casas este ano, como deslocados internos ou como refugiados, segundo dados do Alto-Comissariado da ONU para os Refugiados recolhidos até junho e hoje divulgados

Mundo

Noventa e dois refugiados encontrados nus na fronteira entre Turquia e Grécia

O ministro da Proteção Civil grego, Takis Theodorikakos, denunciou hoje uma "imagem desumana" ao indicar que 92 refugiados foram encontrados nus após terem sido forçados, segundo Atenas, a atravessar o rio Evros, que separa a Turquia da Grécia

Mundo

Rússia e China demarcam-se das condenações da ONU a míssil norte-coreano

A Rússia e a China demarcaram-se hoje, no Conselho de Segurança das Nações Unidas, de uma condenação geral ao teste com um míssil balístico realizado pela Coreia do Norte e que sobrevoou o território do Japão

Mundo

Angela Merkel recebe prémio da ONU por proteção de refugiados

A ex-chanceler alemã Angela Merkel ganhou o prémio Nansen do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados por proteger milhares de refugiados no auge da crise na Síria, anunciou hoje a organização

Mundo

Filippo Grandi reconduzido como alto comissário da ONU para Refugiados até 2025

O italiano Filippo Grandi foi hoje reconduzido no cargo de alto comissário das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) por mais dois anos e meio, até 2025, após recomendação do secretário-geral, António Guterres

Mundo

Scholz admite não haver acordo nuclear com Irão no futuro próximo

O chanceler alemão, Olaf Scholz, disse hoje que não acredita na possibilidade de recuperar o acordo nuclear com o Irão no futuro imediato, embora reconheça que os interlocutores de Teerão estão a ser pacientes

Mundo

Maior campo de refugiados sírios faz 10 anos e assume-se como uma quase cidade

O maior campo de refugiados sírios, em Zaatari (Jordânia), onde vivem 80 mil pessoas, completa hoje 10 anos de existência, e cresceu tanto que já conta com 1.800 lojas e 32 escolas, anunciou hoje a ONU

Mundo

Grécia cria "atmosfera de medo" para candidatos a asilo e ONG -- ONU

A política migratória do governo grego, centrada na segurança, criou uma "atmosfera de medo" para os candidatos a asilo e as organizações não governamentais de defesa dos direitos humanos, acusou hoje uma dirigente da Organização das Nações Unidas

Mundo

Mais de dois milhões de refugiados terão de ser reinstalados em países terceiros em 2023

Mais de dois milhões de refugiados que não podem regressar a casa ou permanecer nos países de acolhimento, devido à insegurança ou falta de espaço, terão de ser deslocados para países terceiros em 2023, avançou hoje a ONU

Mundo

Crises humanitárias "sem precedentes" causam número recorde de refugiados - EUA

O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, afirmou hoje que o mundo enfrenta crises humanitárias "sem precedentes", que resultaram no maior número de refugiados da história

Mundo

Burkina Faso: Mais de 21.000 deslocados após ataque com 86 mortos

O número de deslocados após o atentado terrorista ocorrido na noite de 11 para 12 de junho no norte do Burkina Faso, em que 86 pessoas morreram, ultrapassa as 21.000 pessoas, informaram hoje as autoridades deste país africano