Relacionados

Repórter EI

UnexMin: o robô que explora minas

Fomos até Nelas, perto de Viseu, ver um projeto internacional que envolve 12 entidades europeias na criação de um robô que ajuda na exploração de urânio. Com os sensores que tem, o robô vai reconstruindo o ambiente onde foi largado, desenhando um mapa do local. O aparelho não serve para extração de minério, mas é bastante útil para fazer o reconhecimento, essencial para o planeamento de missões futuras. Os Unexmin podem ser usados até 500 metros de profundidade, contam com oito motores e um pêndulo e podem ajudar empresas e entidades que queiram retomar a exploração de minas abandonadas.

Repórter EI

LG Innofest: conheça os eletrodomésticos que vão equipar a casa do futuro

Fomos até Madrid, até uma vivenda que a LG equipou com vários eletrodomésticos e soluções do futuro. Na sala, dominam os televisores de grandes dimensões, integrados com assistentes pessoais, enquanto na cozinha há frigoríficos, máquinas para fazer cervejas a partir de cápsulas, máquinas de lavar roupa que aceitam comandos de voz e armários inteligentes.

Repórter EI

Como falam os neurónios uns com os outros?

Cientistas do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde do Porto querem descobrir como comunicam os neurónios da medula espinhal. A informação trocada pelos neurónios pode ser usada para criar próteses que auxiliem pacientes com doenças degenerativas.

Repórter EI

Entrevista a Mikhail Kornienko, o astronauta recordista de permanência no espaço

Fomos ao Porto falar com Mikhail Kornienko, o cosmonauta que esteve 342 dias lá em cima, na Estação Espacial Internacional, recorde que partilha com Scott Kelly dos EUA.

Repórter EI

Porto Santo Sustentável, como o Porto Santo vai deixar de usar combustíveis fósseis

A Empresa da Eletricidade da Madeira pretende atingir 60% de energia renovável em 2025. O objetivo é tornar o Porto Santo a primeira ilha do mundo a deixar completamente os combustíveis fósseis, sendo que atualmente apenas 15% da energia elétrica consumida é originária de fontes renováveis. A central solar e a turbina eólica já instaladas produziram mais de três gigawatts hora em 2018. A rede inteligente envia a energia renovável em excesso para as baterias de carros elétricos.