Relacionados

Mercados

Centro de Ciberdefesa vai ter 100 operacionais. E vai recrutar civis

Até hoje, não há notícia de que alguma vez ciberoperacionais das Forças Armadas tenham lançado ataques contra alvos estrangeiros. «Caso venham a acontecer, essas missões podem ou não tornar-se públicas», acrescenta o Chefe de Ciberdefesa.

Mercados

Como um ciberataque quase destruiu a estação TV5Monde

Mais duas horas e uma das principais estações mundiais teria simplesmente acabado. O ataque levado a cabo em abril do ano passado começou por ser reivindicado pelo Ciber Califado, mas acabou por ser atribuído a hackers russos, sem motivação aparente.

Mercados

Hackers que atacaram os Jogos Olímpicos estão de volta

O grupo de hackers que sabotou os Jogos Olímpicos de Inverno, em fevereiro, está de volta ao ativo. Desta vez, os alvos são diversificados, desde instituições financeiras na Rússia a laboratórios de prevenção em França, Suíça ou Holanda.