Relacionados

Mercados

Especialistas da Casa Branca confirmam que equipamentos Huawei são vulneráveis

Especialistas convocados pela Casa Branca referem que não há indícios de que os dispositivos da marca chinesa tenha sido usados pelos serviços secretos chineses, mas alertam para a existência de vulnerabilidades.

Mercados

Foxconn admite ter estagiários menores de idade

A empresa de Taiwan, que fornece muitas marcas tecnológicas, admitiu ter formado estagiários com menos de 16 anos, a idade mínima legal para se trabalhar na China.

Mercados

Grã-Bretanha está a vigiar a Huawei

Depois do Congresso nos EUA, também a Grã-Bretanha levantou algumas desconfianças sobre a ligação da Huawei ao governo chinês e potenciais ações de espionagem.