Relacionados

Robôs Assassinos | Armas autónomas letais
Mercados

Armas autónomas e assassinas? “Transferir para os robôs a decisão de morte de pessoas é ilegítimo”

Quase que lhe podemos chamar a guerra do futuro – o nome só não lhe fica bem porque os indicadores mostram que já está a acontecer. Este foi o ano em que se perdeu a inocência do que é possível alcançar quando se combinam avanços tecnológicos militares, Inteligência Artificial e tensão política entre países. Bruno Oliveira Martins, da PRIO, diz ainda que é um tema no qual Portugal poderá acabar por ficar "entre a espada e a parede"

Mitchell Amador | Immunefi
Internet

O luso-descendente que é o barão dos hackers de criptomoedas

A vida nem sempre foi fácil para Mitchell Amador: filho de pai português e mãe canadiana, nasceu no Canadá, cresceu pobre e a sentir que nunca teria muitas oportunidades na vida. Hoje é responsável pela proteção de mais de 100 mil milhões de dólares investidos em diferentes plataformas de blockchain e criptomoedas. Esta é a história do homem que lidera, a partir de Lisboa, a maior comunidade de hackers de caça às vulnerabilidades no promissor mundo das finanças descentralizadas

Philip Zimmermann
Internet

Philip Zimmermann: “Se permitirem vigilância na base tecnológica do vosso país, uma autocracia pode usá-la para manter-se no poder”

Philip Zimmermann é conhecido como o ‘pai’ do PGP, um dos mais usados protocolos de encriptação para troca de mensagens por e-mail de forma segura. No evento Future Works, organizado pela empresa Landing Jobs, deixou muitos alertas sobre as ameaças à encriptação e sobre o cada vez maior número de tecnologias de vigilância que os países implementam

Illia Polosukhin | Near Protocol
Internet

Near Protocol: “Só temos duas alternativas: Ou acabamos num episódio de Black Mirror ou construímos uma Web aberta”

Illia Polosukhin lidera uma empresa de blockchain cujos ativos digitais estão avaliados em mais de seis mil milhões de dólares. Depois de ter chefiado a equipa que criou uma das ferramentas mais populares da Google, está agora determinado em criar as bases para uma nova geração de serviços online – e tem muito dinheiro para fazê-lo