“Numa semana, corais saudáveis, vibrantes e cheios de cor ficaram completamente brancos”

“Numa semana, corais saudáveis, vibrantes e cheios de cor ficaram completamente brancos”

Em 2016, Emma Camp aterrava pela primeira vez em Sydney. Na bagagem levava um doutoramento em Biologia Marinha, uma bolsa de investigação atribuída pelo governo australiano e um plano para salvar os corais. Ainda não tinha completado 30 anos, mas “para uma bióloga de corais, não havia melhor sítio no mundo para trabalhar”, diz-nos agora, aos 32, a partir do seu laboratório na University of Technology Sydney.

Infelizmente, mal tinha chegado à Austrália quando começou “a grande descoloração”, um fenómeno provocado por um aumento na temperatura das águas do mar que afetou praticamente todas as colónias de corais do mundo. O evento repetiu-se no ano seguinte e, para se perceber a dimensão dos danos, apenas 10% a 40% dos recifes sobreviveram intactos. Da segunda vez, Camp assistiu, impotente, a um cenário devastador: “No espaço de uma semana, corais saudáveis, vibrantes e cheios de cor ficaram completamente brancos.” Já tinham sucedido eventos semelhantes, mas nunca com esta magnitude. A Grande Barreira de Coral da Austrália (GBC) perdeu um terço da sua superfície, um terço de uma área equivalente à Itália.

“Muita gente pensa erradamente que os corais são plantas, quando, na verdade são animais, embora compostos também por microalgas que vivem na pele. As microalgas são responsáveis por fornecer a maioria dos nutrientes, através da fotossíntese, mas os corais também se alimentam de outras algas e de pequenos peixes”, explica. Por isso, quando os vossos filhos perguntarem qual é o maior animal da terra não lhes respondam que é a baleia-azul ou o elefante, mas a Grande Barreira de Coral. É, de facto, o maior organismo vivo, composto por dois mil e muitos recifes individuais.

Mas a GBC, tal como todos os outros corais do mundo, está perigosamente ameaçada pelas alterações climáticas. Águas mais quentes, com menos oxigénio, e mais ácidas provocam stresse aos corais que expulsam as algas coloridas do seu organismo, perdendo a cor. Como as algas são a principal fonte de energia, o coral morre em poucos dias.

Muita gente pensa erradamente que os corais são plantas, quando, na verdade são animais, embora compostos também por microalgas que vivem na pele

Uma catástrofe de consequências inimagináveis para o planeta, e, no entanto, os cientistas sabem que as ocorrências de descoloração vão repetir-se, porventura “com maior frequência e intensidade”. Uma parte importante da comunidade científica acredita mesmo que, em 2030, todos os corais possam já ter morrido.

Mas Emma Camp quer ter uma palavra a dizer sobre o assunto. Ainda durante o doutoramento, descobriu que junto dos mangais, em locais como a Nova Caledónia, existem colónias que sobrevivem e prosperam em ambientes muito mais hostis. “Porque não olhar para a natureza e tentar perceber como esses corais se adaptaram e a que custo?”, pensou. Na expectativa de descobrir como funciona essa resiliência transplantaram corais destes mangais para a Grande Barreira, e vice-versa e estão a analisar como as espécies evoluem nos novos ambientes: “A ideia é, obviamente, identificar as melhores para poder replantar os recifes caso seja necessário.”

O seu trabalho tem sido reconhecido pela comunidade científica, como aconteceu recentemente ao ser eleita Associate Laureate nos Rolex Awards for Enterprise. A iniciativa decorreu em Washington DC, em paralelo com o festival Explorers, da National Geographic. Antes, já tinha sido eleita Jovem Líder para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, discursando perante uma plateia de líderes mundiais: “Nem toda a gente consegue perceber a importância de perder um ecossistema como um recife, e estes prémios fornecem uma plataforma para o comunicar, não só aos líderes, mas ao mundo.”

Porque ainda hoje Emma Camp se lembra bem do dia em que meteu a cabeça dentro de água e viu, pela primeira vez, “aquela cidade subaquática, cheia de cor e vida”. Sendo inglesa, “não tinha grande contacto com recifes de coral, mas tive a sorte de a minha família ter ido passar umas férias às Caraíbas quando tinha 6 anos”. Privilégio que ela se esforça por passar às próximas gerações.

Oceano de Esperança é um projeto da VISÃO em parceria com a Rolex, no âmbito da sua iniciativa Perpetual Planet, para dar voz a pessoas e organizações extraordinárias que trabalham para construir um planeta e um futuro mais sustentáveis. Saiba aqui mais sobre esta missão comum.

LEIA A VISÃO, ASSINE A PARTIR DE 6€/MÊS

ASSINE AQUI

Relacionados

Mais na Visão

Mais Notícias

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Cascais

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Cascais

E-Redes sobre postos de carregamento: estamos prontos para responder em qualquer parte do país

E-Redes sobre postos de carregamento: estamos prontos para responder em qualquer parte do país

Gisele Bündchen de férias com a família na Comporta

Gisele Bündchen de férias com a família na Comporta

Autarca do Seixal satisfeito com escolha de Alcochete mas critica gastos com Montijo

Autarca do Seixal satisfeito com escolha de Alcochete mas critica gastos com Montijo

Teste em vídeo ao DS 9 E-Tense

Teste em vídeo ao DS 9 E-Tense

Tendência: este verão as saias querem-se mini

Tendência: este verão as saias querem-se mini

O “look” romântico de Sara Salgado

O “look” romântico de Sara Salgado

Maria João Bastos com visual inspirado nos anos 50

Maria João Bastos com visual inspirado nos anos 50

LG Gram em testes: Desafiar os sentidos

LG Gram em testes: Desafiar os sentidos

Sete invenções que prometem ajudar a salvar o planeta – pelo mar

Sete invenções que prometem ajudar a salvar o planeta – pelo mar

Aeroporto: Ambientalistas consideram anúncio governamental ilegal e inaceitável

Aeroporto: Ambientalistas consideram anúncio governamental ilegal e inaceitável

Anda a sentir falhas acentuadas de memória? António Damásio explica porquê

Anda a sentir falhas acentuadas de memória? António Damásio explica porquê

Alexa Prize: Sistema de conversação criado por alunos da FCT Nova distinguido pela Amazon

Alexa Prize: Sistema de conversação criado por alunos da FCT Nova distinguido pela Amazon

Os Cadernos da Minha Vida: mergulhar no processo criativo de Joana Vasconcelos

Os Cadernos da Minha Vida: mergulhar no processo criativo de Joana Vasconcelos

Princesa Leonor e infanta Sofía no teatro com looks descontraídos

Princesa Leonor e infanta Sofía no teatro com looks descontraídos

8 artigos de moda que são à prova de tendências

8 artigos de moda que são à prova de tendências

Luciana Abreu recebe crítica após promover marca

Luciana Abreu recebe crítica após promover marca

Quem é Miguel Milhão, o excêntrico empresário da Prozis que está nas bocas do mundo pela sua posição anti-aborto?

Quem é Miguel Milhão, o excêntrico empresário da Prozis que está nas bocas do mundo pela sua posição anti-aborto?

Andreia Rodrigues seduz com vestido de branco

Andreia Rodrigues seduz com vestido de branco

A história do Ballett Gulbenkian

A história do Ballett Gulbenkian

JL 1350

JL 1350

Guia prático para preparar o seu jardim (ou varanda!) para o verão

Guia prático para preparar o seu jardim (ou varanda!) para o verão

Oeiras EcoRally em imagens

Oeiras EcoRally em imagens

Ana Garcia Martins defende Anitta depois de críticas:

Ana Garcia Martins defende Anitta depois de críticas: "Foi a única data a esgotar esta edição do RiR"

Sugestões confortáveis para aproveitar os dias de sol

Sugestões confortáveis para aproveitar os dias de sol

Ecossintonia: quatro atrizes juntas na atitude sustentável

Ecossintonia: quatro atrizes juntas na atitude sustentável

Travis Barker é internado de urgência

Travis Barker é internado de urgência

10 características de pessoas mentalmente saudáveis

10 características de pessoas mentalmente saudáveis

Sara Carbonero e Isabel Jiménez trazem a alma mexicana aos nossos 'looks' de verão

Sara Carbonero e Isabel Jiménez trazem a alma mexicana aos nossos 'looks' de verão

Raquel André: Uma Língua Portuguesa afiada

Raquel André: Uma Língua Portuguesa afiada

CARAS Decoração de junho: retiros naturais

CARAS Decoração de junho: retiros naturais

Diogo Amaral partilha pela primeira vez uma fotografia a exibir a cara de Mateus

Diogo Amaral partilha pela primeira vez uma fotografia a exibir a cara de Mateus

Reclamações de burlas nas redes sociais disparam 654%

Reclamações de burlas nas redes sociais disparam 654%