Rui Barroso

Rui Barroso

Jornalista
Economia
Exclusivo

Famílias portuguesas são das que mais contribuem para o financiamento do Estado

Particulares têm €35 869 milhões de euros aplicados em instrumentos de dívida pública nacional, cerca de 12,5% do total. Na Zona Euro, apenas em Malta as famílias têm um peso maior no financiamento do Estado do que em Portugal

Euribor, a 'farsa' continua
Economia
Exclusivo

As alternativas aos certificados de aforro

Nos produtos com baixo risco e que garantem a totalidade do capital investido, os juros oferecidos são mais baixos do que os dos certificados. Já em investimentos de maior risco e que podem gerar perdas, o histórico mais recente recomenda alguma prudência

Economia
Exclusivo

Poupança: A grande (nova) corrida aos certificados de aforro

A subida da Euribor tornou um dos produtos de poupança do Estado bem mais atrativo do que os depósitos bancários e outras alternativas de capital garantido. Os juros oferecidos ainda podem subir e as famílias portuguesas estão entre as que mais contribuem para o financiamento público

Exame
Exame

Custo da nova dívida do Estado triplicou em 2022 e preveem-se mais subidas nos juros

A inversão de marcha da política do Banco Central Europeu (BCE) levou a um agravamento das taxas de juros da dívida do Estado. A autoridade monetária vai começar a desfazer-se gradualmente de títulos de dívida já a partir de março

Economia
Exclusivo

Energia: Inverno mais quente do que o normal atrapalha planos de Putin para castigar europeus

A estratégia de defesa energética da UE, com a ajuda das temperaturas bem mais altas do que o normal, funcionou e levou o preço do gás natural para valores pré-guerra

Economia
Exclusivo

Desvalorizações, falências e fraudes. O longo inverno das criptomoedas aqui esmiuçado

Em 2022, os ativos virtuais embateram num muro de realidade, provocando perdas avultadas a muitos investidores

Economia
Exclusivo

Criptomoedas (quase) sem lei. Como funciona esta espécie de faroeste financeiro... sem xerife

A falência da FTX veio demonstrar o perigo da ausência de regulação nos mercados de criptoativos. Em Portugal, as entidades autorizadas apenas são supervisionadas para prevenir o branqueamento de capitais e o financiamento do terrorismo. Os investidores estão por sua conta e risco numa indústria fértil em esquemas, fraudes e promessas de ganhos rápidos. A UE prepara uma lei mais apertada que deverá entrar em vigor no próximo ano

Exame
Exame

Gautam Adani. O Rockefeller da economia indiana que se tornou no terceiro mais rico do mundo

O empresário domina setores estratégicos na Índia e é dono da fortuna que mais cresce este ano que tem beneficiado do ambiente de alta inflação e de preços elevados de matérias-primas como o carvão

Economia
Exclusivo

Sam Bankman-Fried: a queda do cavaleiro branco das criptomoedas

Sam Bankman-Fried precisou de poucos anos para entrar na lista das grandes fortunas do mundo. Mas o fundador da bolsa de criptomoedas FTX protagonizou uma das maiores destruições de valor de sempre

Guerra na Ucrânia

Bernardo Pires de Lima: “Não é prudente estar a alarmar com a invocação do Artigo 5º da NATO”

O analista de política internacional considera como improvável que o Artigo 5.º da NATO seja invocado e que toda a vontade política da organização é de não ultrapassar essa linha vermelha

Guerra na Ucrânia

Míssil cai na Polónia. O que diz o Artigo 5º da NATO e quando pode ser acionado?

Num dia de intensos bombardeamentos na Ucrânia, mísseis russos atingiram a Polónia, que faz parte da NATO. O que pode seguir-se?

Economia
Exclusivo

Até onde vão subir os juros?

O Banco Central Europeu voltou a fazer uma subida agressiva das taxas de referência, o que vai agravar os custos de financiamento de famílias, empresas e Estados. Alguns governos queixam-se de um aumento demasiado rápido do custo do dinheiro. Mas com a inflação longe de dar tréguas, a escalada dos juros deverá manter-se

Exame
Exame

E depois das privatizações?

Há cerca de uma década, Portugal estava a executar um ambicioso plano de privatizações. Alguns dos investidores já recuperaram uma fatia significativa do investimento. Mas, além da questão financeira, as vendas feitas a empresas estatais chinesas podem agora ser um risco acrescido, numa altura de maior tensão entre Pequim e o Ocidente?

Exame
Exame

EDP, REN, CTT e ANA. O antes e o depois das empresas vendidas pelo Estado nos tempos da Troika

Há cerca de uma década, Portugal estava a executar um ambicioso plano de privatizações. Alguns dos investidores já recuperaram uma fatia significativa do investimento. Como estão essas empresas após a saída do Estado?

Economia
Exclusivo

OE 2023: Esperar pelo melhor, para estrangeiro ver

Com os juros da dívida a subir, a proposta de OE para o próximo ano é direcionada para impressionar os mercados financeiros. Medina quer cortar a fundo no défice e na dívida, num cenário de elevada incerteza que pode trocar as contas ao Governo

Exame
Exame

Gás dos Países Baixos pode ser uma bala de prata na crise energética. Mas só será usado se tudo correr mal

Um dos maiores campos de gás natural do mundo fica em Groningen. Porém, os sucessivos terramotos na região levaram o governo neerlandês a decretar, em 2014, o fim faseado da exploração

ESG Talks

Afinal, compensa emitir dívida verde?

A procura de investidores e bancos por financiamentos associados a critérios ambientais, sociais e de governança (ESG) está a aumentar. Mas as empresas ainda não sentem efeito nos custos de financiamento

ESG Talks

ESG traz um "tsunami de regulação" e "não é só para grandes empresas"

O financiamento das empresas estará cada vez mais dependente de critérios ambientais, sociais e de governança corportiva (ESG)

Exame
Exame

OE 2023: O objetivo das contas certas num cenário económico incerto

O Governo quer cortar a fundo no défice e na dívida num ano que será marcado por um forte abrandamento da economia e pela incerteza sobre a evolução da inflação e da situação internacional

Exame
Exame

OE 2023: Fatura do Estado com juros da dívida vai aumentar quase 1.200 milhões de euros

Despesa com o serviço de dívida terá em 2023 o maior aumento desde 2012, colocando fim a um período de oito anos de alívio nos encargos do Estado com juros

Exame
Exame

Como prevenir crises financeiras? As respostas valeram um Nobel

Ben Bernanke, antigo presidente da Reserva Federal dos EUA, foi um dos distinguidos com o Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel