Bruno Batista

CEO & Idea maker do grupo GCI, consultor de comunicação e opinador nos tempos livres

Opinião

Como se mede o bom senso?

Tal como os animais de companhia, os professores dão tudo em cada ano letivo. Não será chegada a hora de a sociedade civil cerrar forças e contribuir para a luta daqueles que moldam gerações e que também ensinam civismo?

Opinião

T0 de 5000m2 por 4,2 milhões na Expo

Voltemos atrás. Foi Portugal, numa comitiva liderado por Fernando Medina, à época presidente da Câmara de Lisboa, que se propôs a organizar um evento, que já se sabia, receberia milhões de pessoas na cidade. Não caiu do céu (os mais beatos que me desculpem a expressão) a obrigação de realizar o certame

Opinião

O Governo também está em greve?

Se tirar desta equação os ministros naturais de Lisboa, que eventualmente estudaram em colégios privados, provavelmente teremos no Governo ministros que lutaram enquanto alunos contra a Prova Geral de Acesso, ou que não tiveram aulas devido à greve dos professores ou do pessoal auxiliar. Então, porque não construir diferente?

Opinião

Quem irá herdar este País?

Percebi que a vida do Luís não tem sido fácil nem é comparável à dos outros jovens das cidades, aqueles que emigram depois de formados. Ali, a escola mais próxima fica a muitos quilómetros, o incentivo para estudar é nulo e a única certeza é que no futuro iria trabalhar, ou de sol a sol na terra, ou levar para casa o salário mais baixo do único grande empregador da região, a câmara municipal

Opinião

Onde pára a credibilidade dos políticos?

Com um Primeiro-ministro que parece governar inspirado no “método empurra com a barriga”, não admira que ministros e secretários de Estado não cheguem a aquecer lugar ainda que sejam escolhidos entre os seus

Opinião

O ano não foi mau para todos

Bom ano, Alexandra, investe em casas para alugar aos turistas (é o que toda a gente diz por aí que é bom negócio)

Opinião

As marcas deste Natal

Pensar e concretizar uma campanha que alerta para um tema tabu mostra uma enorme responsabilidade da marca para com a sociedade. Parabéns pela coragem! E parabéns pelo copy, afinal atrás de uma grande marca há sempre um ou uma excelente guionista

Opinião

Nasceu uma estrela, habituem-se

“Habituem-se” é um verbo forte e que em política ou na vida deve ser usado com parcimónia. Afinal, todos somos substituíveis

Opinião

A carreira de Ronaldo está muito longe do fim

Já foi quase tudo dito sobre as atitudes do símbolo da nossa seleção. Mais importante que os motivos que levaram Fernando Santos a sentar Ronaldo no banco, o facto é a vitória esmagadora da equipa e a qualidade da exibição, que atestam, sem margem para dúvidas, as escolhas do selecionador. O futebol é um desporto coletivo, e os objetivos alcançados no final do jogo com a Suíça deviam ser motivo de festejos sem mágoa

Opinião

Deixem passar a Roménia

Por estes dias as greves têm-se multiplicado, talvez com a bênção do Secretário-geral do PCP. Embora não sendo benéficas para o PIB, as greves abanam. Resta saber se cai!

Opinião

Mundial do Petróleo

Não vale tudo, tanto mais quando nos orgulhamos de viver no país que foi o primeiro a abolir a pena de morte, que foi pioneiro na abolição do tráfico de escravos. A lição que se aprende com algumas das decisões da FIFA são o inverso daquilo que é desejável, e que se resume à liberdade do ser humano

Opinião

Melhores guionistas para os profissionais do protesto

Não é um crime lutar por um futuro melhor. Pelo contrário, é um dever. Mas nessa luta, tal como em qualquer guerra, há que preparar a logística e não esquecer as munições, que neste caso são as palavras, as mensagens

Opinião

O novo velho líder do PCP

Opinião

A lula do vizinho é melhor que a minha

Como em política não há elogios grátis, começo a temer o regresso do antigo primeiro-ministro José Sócrates à política. Afinal, vivemos num país onde a maioria do cidadão eleitor não demonstra interesse pela vida política caseira, não vêm para a rua gritar, mas onde a tradição é de bipolarização a cargos como o de Presidente da República

Opinião

Os novos liberais

Opinião

O valor da marca Ronaldo

Portugal é conhecido além-fronteiras pela sua hospitalidade, gastronomia, cultura, sol e também por um conjunto vasto de marcas, onde pelo menos uma – CR7 – assume a forma de pessoa, Cristiano Ronaldo

Opinião

O fim da classe média como a conhecemos?

Enfim… este OE 2023 é uma proposta de “empurrar com a barriga”, até porque o abismo está mesmo ali e não vejo por onde estejamos a ganhar “sete a zero” ao Fundo Monetário Internacional. Sei é que já fomos intervencionados 3 vezes, a última das quais ontem. Perdão! Em 2011

Opinião

Rui Nabeiro - um Homem Maior

Rui Nabeiro consegue, de forma sobrenatural, inspirar, emocionar e fazer acreditar este País que é possível. E não só é possível criar, como se pode fazer de forma responsável, sustentada e a pensar na comunidade

Opinião

Ser marido ou empresário?

Acham mesmo que acreditamos que a ministra nunca falou com o marido sobre a natureza dos fundos? Nem o marido lhe pediu informações sobre isso? Talvez não, provavelmente só falam de livros, teatro, cultura, música e pontualmente viagens

Opinião

Um cancro chamado TAP

Se a TAP é uma bandeira de Portugal, está a passar a imagem de um País desorganizado, sem estratégia e com uma arrogância que não deixa saudade

Opinião

Manuais digitais? Claro, e internet para todos?

Como quem nos governa pensa em grande, fomos informados pela VISÃO de que serão comprados 600 mil computadores de uso individual para alunos e professores. Isto lembra-me o “Magalhães” de Sócrates e o fracasso pelo qual se saldou.