Presidente da Europacolon Portugal

Visão Saúde

Dos 11 portugueses que morrem todos os dias com cancro do intestino, sete poderiam ter sido salvos pelo rastreio

O aviso é assustador e chega através do presidente da Europacolon Portugal - Associação de Apoio ao Doente com Cancro Digestivo: todos os dias morrem 11 portugueses com cancro do intestino mas sete poderiam ter sido salvos se os decisores políticos tivessem implementado o rastreio nacional. Além disso, garante Vitor Neves, as colonoscopias ou não estão a ser realizadas como necessário, ou são feitas já depois do tempo recomendado

Vítor Neves