Marvila: Entre condomínios de luxo e um rebanho de ovelhas. Reportagem num bairro inquieto e cheio de mundo

Annette Brinckerhoff espera que todos consigam manter-se no bairro. “Há tanta coisa boa a acontecer aqui”, diz a artista

Marvila: Entre condomínios de luxo e um rebanho de ovelhas. Reportagem num bairro inquieto e cheio de mundo

Na primeira vez que Annette Brinckerhoff entrou nos antigos viveiros camarários de Marvila, ficou com pele de galinha. Já tinha gostado da fachada pintada de azul índigo do número 8 da Rua do Açúcar encimado pelas letras CML, ao lado da concorrida esplanada do Café Com Calma, mas o pequeno túnel alcatroado não a preparara para o que encontrou mais acima.

Era um dia luminoso de outubro e o campo a descer para o rio que brilhava por cima dos telhados da antiga Quinta do Beirão, a uns passos da Praça David Leandro da Silva, coração do Poço do Bispo, pareceu-lhe mágico. “Um terreno aberto que não se vê da rua, com sol todo o dia e muita água, é uma coisa louca”, lembra-se de ter pensado na altura.

Palavras-chave:

Mais na Visão