As obras mais emblemáticas de João Cutileiro (1937-2021)

João Pires Cutileiro nasceu em Lisboa em 26 de Junho de 1937, no seio de uma família da média burguesia, polvilhada de sentimentos antifascistas. O segundo de três irmãos cresce entre Évora, onde os pais se conheceram e os Açores – onde o pai, médico da Organização Mundial da Saúde, foi colocado – até que regressa a Lisboa em 1943, quando a família Cutileiro se instala numa casa das Avenidas Novas, frequentada por boa parte das personalidades que desenhavam o panorama intelectual português da altura: Vieira da Silva, Abel Manta, Avelino Cunhal, Lopes Graça e António Pedro, entre outros. É este mesmo António Pedro que, em 1946, o convida para ir desenhar para o seu atelier.

Durante esta experiência, que durou dois anos, o escultor aproveita para contactar com artistas, escultores e críticos interessados pelo Surrealismo. Aos catorze anos, em 1951, faz a sua primeira exposição individual, realizada em Reguengos de Monsaraz, numa loja de máquinas de costura, onde apresenta peças de escultura, cerâmica, aguarelas e pinturas. Depois, há de ingressar no MUD (Movimento de Unidade Democrática) Juvenil, e nos anos 1960, faz uma breve passagem pelo partido comunista. Em 1951, quando ia a caminho de Kabul (Afeganistão), onde seu pai esteve a trabalhar durante um ano, passa por Florença, onde toma contacto com a obra de Miguel Ângelo. Foi uma visão que não mais esqueceu e que lhe fez aumentar a certeza de que queria fixar-se na Escultura. No regresso, matricula-se, então, na Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, mas dois anos depois decide sair do País.

É então levado pela mão de Paula Rego até à londrina Slade School of Art, mas nunca deixou de vir a Portugal, e entre 1961 e 1971 expôs trabalhos seus cinco vezes em Lisboa e uma no Porto. Nesse início dos anos 1970, regressa definitivamente, instalando-se no Algarve – e é no ateliê de Lagos que se empenha na construção das suas primeiras figuras bífidas e da obra mais polémica de toda a sua vida: o “D.Sebastião”, erguido na cidade de Lagos, na praça Gil Eanes, cujo ar efeminado rompe por completo com os padrões da escultura nacional.

Desde então, participou em exposições um pouco por todo o mundo, desde a Alemanha aos EUA, até que em 1985 decide mudar-se para Évora, onde está exposta boa parte da sua multifacetada obra – sendo consensual que o tema dos corpos femininos é o mais marcante de todos os desenvolvidos pelo escultor.

Tempos difíceis exigem a melhor informação. A Trust in News decidiu agilizar os seus planos de assinaturas e oferecer um pack mensal de revistas digitais a um preço simbólico: €9,90 mês por 9 revistas. Está garantida a melhor leitura para todos os gostos.

ASSINE JÁ

ASSINE JÁ!

Mais na Visão

Presidenciais 2021

Marcelo: É importante que PGR e parlamento queiram apurar vigilância a jornalistas

O Presidente da República e recandidato ao cargo, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou hoje importante que a Procuradoria-Geral da República e o parlamento queiram apurar a vigilância policial a dois jornalistas que investigavam o caso e-toupeira

Presidenciais 2021

#vermelhoemBelem: Onda de apoio a Marisa contra comentários de Ventura invade as redes de batons vermelhos

Marisa Matias assumiu estar "feliz" com a #vermelhoemBelem, a ação que está a viralizar há 24 horas nas redes sociais de apoio à candidata, que foi alvo de chacota do líder do Chega. Menos diplomático esteve um cidadão cigano que, esta manhã, enquanto a bloquista reagia, não esteve para meias palavras: "O Ventura é um racistaaaaa"

Política

Covid-19: Marcelo espera que confinamento não ultrapasse um mês

Marcelo Rebelo de Sousa afirmou hoje esperar que o atual confinamento, com dever geral de recolhimento e encerramento de um conjunto de atividades, não ultrapasse um mês

Visão Saúde
VISÃO Saúde

Covid-19: Portugal com mais 159 mortes em 24 horas, novo máximo. Veja como estão os gráficos da pandemia no País

Portugal contabilizou hoje 159 mortes, um novo máximo de óbitos relacionados com a covid-19 em 24 horas, e 10.663 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a DGS

Mundo

Covid-19: Farmacêutica Sanofi estuda possibilidade de fabricar vacinas de concorrentes

A farmacêutica Sanofi e o governo francês estão a estudar a possibilidade de o grupo francês usar as suas cadeias de produção para fabricar vacinas contra a covid-19 dos laboratórios Pfizer-BioNTech e Janssen, disse hoje a ministra da Economia

Visão Saúde
VISÃO Saúde

“Não se pode cair no absurdo de ser preciso inscrever num lar uma pessoa de 85 ou 90 anos para poder ser vacinada neste inverno!”

“Não sei como um poder político pode assumir a responsabilidade de vacinar os mais vulneráveis no fim da primavera, enquanto os outros países os vacinam no inverno”, diz, em entrevista à VISÃO, o ex-diretor-geral da Saúde, referindo-se à colocação das pessoas idosas que não estão em lares no segundo (e último) grupo de inoculação

Bolsa de Especialistas

Procura-se parceiro: Solteiros com a vida amorosa em atraso

A sensação de perda de tempo e de oportunidade, bem como a perceção de ter a vida parada, mostra como o amor e o bem-estar relacional são essenciais na nossa vida. Estes tempos de privação do abraço e da interação física, da paixão e do sexo, vêm confirmar inequivocamente o que sempre soubemos: que o amor e a sexualidade são bens de primeira necessidade. Somos seres feitos para o contacto físico e amoroso com outros seres humanos e a privação disto traz sofrimento

Sociedade

Está em isolamento? Alimentos a ter em casa para a quarentena

A nutricionista Ana Rita Lopes, coordenadora da unidade de nutrição clínica do Hospital Lusíadas Lisboa, explica a estratégia a montar para o caso de se ficar isolado

Visão Saúde
VISÃO Saúde

Covid-19: Noruega alerta para a vacinação de pacientes doentes com mais de 80 anos

Na Noruega, 13 mortes de pacientes com doenças graves e mais de 80 anos podem estar associadas a efeitos secundários da vacina. A Agência de Medicamentos do país sublinhou que o risco é muito baixo, mas desaconselhou a vacinação de pessoas doentes naquela faixa etária

Exame Informática
Mercados

Cabo submarino que liga Portugal à América Latina já 'ancorou'. Começa a funcionar ainda em 2021

O cabo de fibra ótica da EllaLink já ancorou em Sines e a infraestrutura deverá ficar plenamente operacional no segundo trimestre do ano

Presidenciais 2021

Quiz: O que sabe de André Ventura?

Teste os seus conhecimentos sobre o candidato que, antes de ser político, quis ser…

Fotografia

Os últimos pilares do muro de Trump que "o próximo governo não pode derrubar"

A dias de terminar o seu mandato, Donald Trump disse que a obra do muro na fronteira do México está concluída e pediu que o próximo governo, do eleito Joe Biden, não desfaça a construção. No Arizona, a obra prossegue. Veja as imagens