Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

O Gosto dos Outros... Constança Cordeiro

Sair

Para Constança Cordeiro, não há ingredientes proibidos na composição dos seus cocktails. Aqui, a proprietária do bar A Toca da Raposa, em Lisboa, revela os lugares por onde gosta de andar

Diana Tinoco

1. A Moagem, Arraiolos
O restaurante de comida alentejana fica na terra onde tem casa de família. “O dono, o senhor João Pombinho, fala a carregar nos ‘erres’ e, quando era pequena, achava que ele falava francês. Eu dizia ao meu pai: podemos ir ao restaurante francês? Ele nunca me corrigiu, porque achava piada. Durante 20 anos, comi sempre a mesma coisa: miminhos à Moagem.”

2. Panorâmico de Monsanto, Lisboa

Descobriu o Panorâmico de Monsanto, antigo restaurante transformado em miradouro, quando regressou a Lisboa. “Tem uma vista maravilhosa sobre a cidade. Vou lá para estar em contacto com a Natureza e pensar um bocadinho.”

3. Nordnes Park, Noruega
Estava um dia lindo em Bergen, quando visitou este parque em cima do mar. “Há uma localização específica que dá a ideia de estarmos num barco. Não se tem mais nada no campo de visão a não ser Natureza, mar e fiordes, acho lindo.”

4. Toca da Raposa, Lisboa
“Quem volta amigo fica” é o lema do bar que abriu há um ano, na Rua da Condessa. “É a minha casinha, o meu primeiro negócio. E os clientes gostam, porque se sentem em casa. Dizem que tem alma. É incrível a energia que há lá dentro.”

5. Bar Peg & Patriot, Londres

Em Londres, destaca o Town Hall Hotel, “edifício com design incrível”, onde esteve no bar Peg & Patriot e percebeu o que era trabalhar com produtos frescos, endógenos e fazer os próprios destilados.

6. Barragem de Montargil, Ponte de Sor
Foi por acaso que descobriu este espelho de água, no verão de 2017, ano da seca. “Tinha ido a Portalegre passar o dia e, ao voltar, enganei-me no caminho. De repente, comecei a ver a barragem, a água lá ao longe, o areal gigante e fiquei maravilhada. É a minha praia privada, uma paz, ninguém chateia.”