Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Matar dois coelhos de uma cajadada"? PETA quer acabar com esta linguagem e tweet com alternativas torna-se viral

Sociedade

CHANDAN KHANNA/ Getty Images

"As palavras importam", defende a organização internacional que se dedica à defesa dos direitos dos animais no Twitter, sugerindo alternativas de linguagem mais amigas dos bichos

A PETA quer acabar com a linguagem "anti-animal" e já tem algumas ideias para substituir ditados e frases comuns por outras mais inofensivas. As sugestões referem-se a expressões em inglês, mas é possível encontrar o equivalente de algumas em português. Para "kill two birds with one stone" (matar dois pássaros com uma pedra), a organização sugere "feed two birds with one scone" (alimentar dois pássaros com um scone). Adaptando o nosso "matar dois coelhos de uma cajadada", poderíamos ficar, por exemplo, com um "alimentar dois coelhos com uma queijada"...

Já o "pegar o touro pelos cornos" deve, acredita a PETA, ser trocado por "pegar as flores pelos espinhos".

A organização vai mais longe e, também no Twitter, compara estas expressões com "linguagem racista, homofóbica ou preconceituosa".

As reacções não se fizeram esperar, com numeros utilizadores a agradecerem pelos momentos de riso que as sugestões da PETA lhes proporcionaram...

... mas também outros que acrescentaram as suas próprias alternativas à lista, trocando o "a curiosidade matou o gato" por "a curiosidade emocionou o gato".