Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: O Imperador

Cultura

No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcam a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, o Imperador

Encontro entre Moctezuma e Hernan Córtez

Encontro entre Moctezuma e Hernan Córtez

DR

Todos os países têm os seus mitos. Alguns, condensam-se numa única figura, que atravessa os tempos como inspiração ou ameaça, exemplo ou fantasma. No México, esse estatuto está entregue a Moctezuma, o imperador asteca que em 1520 sucumbiu ao invasor espanhol.

No seu novo romance, lançado na FIL, José Luis Trueba Lara revisita a figura mítica. Não é o primeiro, nem será o último autor mexicano a fazê-lo. Talvez seja uma inevitabilidade ver em Moctezuma um bloco identitário que convoca os escritores para um duelo fatal. Com tão poucas fontes, é impossível conhecê-lo na totalidade. Mas, sem a literatura, o desconhecimento revela-se ainda maior.

“Moctezuma é visto pelos mexicanos como o grande traidor, o grande perdedor, o grande horror da história pátria”, afirma à Visão, entre sorrisos, o escritor e também editor. “Mas esta é, em parte, uma imagem fabricada. Durante o processo de independência, na hora de inventar um país, era preciso encontrar um responsável por todos os nossos males. À falta de outros candidatos, foi ele o eleito. O México nasce negando Moctezuma.”

José Luis Trueba Lara

José Luis Trueba Lara

DR

Para o escritor, na típica luta entre bons e maus, perdeu-se a vontade de perceber quem foi na verdade o famoso imperador. Editado pela Oceano, Moctezuma ensaia uma aproximação. “É entendê-lo a partir do pouco que sabemos”, afirma. O desconhecimento, diga-se, é um poço sem fundo. Começa no dia do nascimento, que ninguém sabe qual foi. O que se sabe é que, para evitar maus presságios, escolheu-se um dia propício. Moctezuma, segundo as referências pré-hispânicas, terá nascido a 1 de Caña, o equivalente, no nosso calendário, a 1 de janeiro, precisamente o dia que marca o início de um novo ciclo. Numa palavra: “Propaganda, a forma que os pais encontraram para associar o seu futuro a grandes feitos”.

Dividido em cinco partes, o romance percorre as várias etapas da vida de Moctezuma, da infância às grandes conquistas que marcaram o seu reinado. Quase no fim, o encontro com navegador e conquistador espanhol Hernán Cortés. A fechar, a sua morte. Não surpreenderá ninguém que ainda hoje se brinque com esse momento. “Vamos dar pamba asteca a alguém” é uma frase muito comum. “Usa-se quando se quer fazer mal a alguém”, esclarece o escritor .

Moctezuma, o novo romance do mexicano José Luis Trueba

Moctezuma, o novo romance do mexicano José Luis Trueba

DR

A maldição persiste, já se vê, o que leva José Luis Trueba a uma conclusão simples: “O pior que te pode acontecer é viveres numa época histórica muito interessante”. Mas isso não é o que todos desejam?, perguntamos. “É, e a época de Moctezuma é de facto interessantíssima. Mas se vivesses nela quem sabe o que te poderia acontecer? Provavelmente acabarias morto”, ironiza. “O bom da escrita é poder viver as grandes revoluções, mudanças e conquistas da História na segurança do teu escritório. Não há nada mais seguro que a Literatura.”

Na Literatura, pode dizer-se, Moctezuma vive eternamente.

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: O Nobel

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, o Nobel

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: A Decana

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, a Decana

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: O Premiado

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, o Premiado

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: A Escritora

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, a Escritora

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: A Diretora

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, a Diretora

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: A Leitora

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, a Leitora

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: O Editor

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, o Editor

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: A Curadora

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, a Curadora

  • Dez figuras da Feira do Livro de Guadalajara: O Tradutor

    Cultura

    No último fim de semana da Feira Internacional do Livro (FIL) de Guadalajara, a maior da América Latina, a Visão destaca dez figuras que marcaram a edição deste ano, que teve Portugal como Convidado de Honra. Do Prémio Nobel Orhan Pamuk ao último grande imperador asteca, sem esquecer os responsável pela divulgação da Literatura Portuguesa nos países hispanofalantes, eis uma viagem por livros, traduções e mitos. Neste artigo, o Tradutor