O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, iluminou-se na quinta-feira com as cores da bandeira do Líbano, numa homenagem às vítimas da explosão em Beirute que fez 137 mortos e mais de 5.000 feridos.

“Viemos para enviar uma mensagem de solidariedade e apoio, e para dizer ao povo libanês que sempre fomos fortes e sempre conseguimos sair de todas as misérias”, disse o cônsul geral do Líbano no Rio de Janeiro, Alejandro Bitar, durante a cerimónia no monumento, citado pela agência de notícia Efe.

O maior símbolo turístico do Brasil, que tem sido utilizado nos últimos meses para exibir mensagens de sensibilização sobre o coronavírus, serviu desta vez para prestar homenagem ao povo libanês, após a explosão devastadora na terça-feira no porto de Beirute.

“Temos de proteger esse país, temos de nos reunir e unir para que este Líbano seja um país de progresso e prosperidade”, disse Bitar aos pés do Cristo Redentor, no cimo da colina do Corcovado, no Rio de Janeiro.

A iniciativa partiu do Consulado Geral libanês no Rio de Janeiro e contou com a participação da Igreja Católica e de outras confissões religiosas.

A comunidade libanesa que vive no Brasil, formada na sua maioria por descendentes, é maior do que a população do Líbano.

São quase 10 milhões de libaneses e descendentes em território brasileiro, segundo informações da agência Senado.

O país já foi governado por um descendente de libaneses, o ex-presidente Michel Temer.

O candidato derrotado nas últimas residenciais por Bolsonaro, Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores, também tem o Líbano como local de origem de parte de sua família.

O Presidente brasileiro usou as redes sociais na terça-feira, dia do incidente, para se solidarizar com os libaneses duramente atingidos pela explosão.

“Profundamente triste com as cenas da explosão em Beirute. O Brasil abriga a maior comunidade de libaneses do mundo e, deste modo, sentimos essa tragédia como se fosse em nosso território. Manifesto minha solidariedade às famílias das vítimas mortais e aos feridos”, escreveu Jair Bolsonaro no Twitter, prometendo que o país fará “algo concreto” para ajudar a nação.

Duas fortes explosões sucessivas sacudiram Beirute na terça-feira, causando pelo menos 137 mortos e mais de 5.000 feridos, segundo o último balanço feito pelas autoridades libanesas.

Até 300.000 pessoas terão ficado sem casa devido às explosões, segundo o governador da capital do Líbano, Marwan Abboud.

As violentas explosões deverão ter tido origem em materiais explosivos confiscados e armazenados há vários anos no porto da capital libanesa.

O primeiro-ministro libanês, Hassan Diab, revelou que cerca de 2.750 toneladas de nitrato de amónio estavam armazenadas no depósito do porto de Beirute que explodiu.

PTA (CYR) //

Palavras-chave:

Suspensa logo depois do jogo Leipzig-Tottenham, disputado em 11 de março, a prova ‘milionária’ está de regresso ao fim de 149 dias de ausência, com dois jogos da segunda mão dos ‘oitavos’: Juventus-Lyon e Manchester City-Real Madrid, ambos às 20:00 (hora de Lisboa).

Recém-consagrada campeã italiana pelo nono ano seguido, a Juventus, do português Cristiano Ronaldo, entra em desvantagem no duelo, depois de Lucas Tousart ter anotado o único tento da vitória da formação francesa, por 1-0, em 26 de fevereiro.

Nesse mesmo dia, o Manchester City, dos portugueses Bernardo Silva e João Cancelo, bateu por 2-1 o Real Madrid, com Kevin de Bruyne e Gabriel Jesus a darem a volta ao golo inaugural de Isco.

Os vencedores destas duas eliminatórias vão defrontar-se nos quartos de final da Liga dos Campeões, em 15 de agosto, no Estádio de Alvalade, que vai acolher os jogos da fase final da prova, juntamente com o Estádio da Luz.

Na inédita ‘final a oito’ da principal competição europeia de clubes estão já Atalanta, Leipzig, Atlético de Madrid e Paris Saint-Germain, que superaram Valência, Tottenham, o campeão europeu Liverpool e o Borussia Dortmund, respetivamente, nos oitavos de final.

No sábado, ficará definido todo o quadro dos quartos de final, depois dos encontros Bayern de Munique-Chelsea (3-0, na primeira mão) e FC Barcelona-Nápoles (1-1).

MO // RPC

Palavras-chave:

A bolsa de Xangai, principal praça financeira da China, abriu hoje a cair 0,47%, para 3.370,59 pontos.

Shenzhen, a segunda praça financeira do país, recuou 0,36%, nas primeiras transações do dia, para 13.813,76 pontos.

JPI // MIM

A bolsa de Tóquio abriu hoje a perder 0,39%, com o principal índice, Nikkei, a cotar-se nos 22,330.70 pontos.

Nas primeiras transações do dia, o segundo indicador, o Topix, recuou 0,17% para 1,547.25 pontos.

O índice Nikkei reflete a média não ponderada dos 225 principais valores da bolsa de Tóquio, enquanto o indicador Topix agrupa os valores das 1.600 maiores empresas cotadas.

MIM // MIM

Palavras-chave:

Os últimos números elevam o total de mortes para 159.990 e o de casos confirmados para 4.876.790.

Sá nas últimas 24 horas morreram no estado do Texas cerca de 1.000 pessoas, segundo a Universidade Johns Hopkins.

O balanço realizado às 20:00 de quinta-feira (01:00 de hoje em Lisboa) pela agência de notícias Efe apontou ainda que apesar de Nova Iorque não ser mais o estado com o maior número de infeções, ainda é a mais atingido em termos de mortes nos Estados Unidos, com 32.754, mais do que França ou Espanha.

Só na cidade de Nova Iorque, 23.563 pessoas morreram.

Nova Iorque é seguida pela vizinha New Jersey com 15.849 mortos, Califórnia com 9.965 e Massachusetts com 8.661 e Texas com 8.547.

Outros estados com grande número de mortes são Illinois com 7.791, Florida com 7.747, , Pensilvânia com 7.286, ou Michigan com 6.506.

Em termos de infeções, a Califórnia tem 537.410, seguida da Florida com 510.389, Texas com 482.890, e Nova Iorque com 418.928.

O Presidente norte-americano estava confiante de que o número final seria entre 50 mil e 60 mil mortes, embora mais tarde tenha subido a estimativa para 110 óbitos, um número que também foi excedido.

Já o Instituto de Métricas e Avaliações de Saúde da Universidade de Washington, cujos modelos de previsão da evolução da pandemia têm servido de base para os cálculos feitos a partir da Casa Branca, indica atualmente que os Estados Unidos vão chegar às eleições presidenciais de 03 de novembro atingir os 230 mil.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 712 mil mortos e infetou mais de 19 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

MIM // MIM

“Infelizmente temos 50.517 mortes da covid-19 no México”, disse o subsecretário de Prevenção e Promoção da Saúde, Hugo López-Gatell, no Palácio Nacional na capital mexicana.

Nas últimas 24 horas, o país registou mais 6.590 casos, elevando o total de contágios para 462.690.

O México ocupa o sexto lugar no mundo em número de casos globais, depois dos Estados Unidos, Brasil, Índia, Rússia e África do Sul, e é o terceiro com mais mortes, depois dos Estados Unidos e do Brasil.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 712 mil mortos e infetou mais de 19 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

MIM // MIM

Palavras-chave:

Segundo dados atualizados pelo Ministério da Saúde brasileiro, foram notificados 53.139 casos da doença, em 24 horas. O país totalizou 2.912.212 infeções provocadas pelo novo coronavírus desde o final de fevereiro, quando o primeiro doente foi diagnosticado.

O Brasil poderá alcançar 3 milhões de infetados até sábado, se mantiver nos próximos dias a média de casos notificados ao longo da semana, que esteve acima dos 50 mil com exceção da segunda-feira, quando 16.641 infeções foram relatadas.

O Executivo também confirmou que 2.047.660 pessoas infetadas já são consideradas recuperadas da doença e outras 766.059 permanecem em acompanhamento médico.

Nesta quinta-feira, o Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro assinou uma medida provisória para liberalizar 1,9 mil milhões de reais (cerca de 300 milhões de euros) no orçamento governamental para a produção de 100 milhões de doses da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e a AstraZeneca contra a covid-19, já em testes no país.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 708 mil mortos e infetou mais de 18,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

CYR // JPF

Palavras-chave:

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice tecnológico Nasdaq estabeleceu o seu 32.º recorde do ano, ao fechar nos 11.108,07 pontos, com uma valorização de um por cento.

Este índice voltou a refletir os desempenhos bolsistas de vários dos seus principais integrantes, como a ‘holding’ da Google, a Alphabet, que ganhou 1,75%, a Amazon, que progrediu 0,62%, a Apple, que subiu 3,49%, e a Microsoft, que avançou 1,60%.

Por seu lado, a Facebook ‘disparou’ 6,49%, graças visivelmente ao lançamento hoje realizado nos EUA do Reels, um serviço que permite publicar pequenos vídeos na rede social Instagram, o que funciona de forma similar à popular aplicação TikTok.

Dos outros índices mais emblemáticos, o seletivo Dow Jones Industrial Average ganhou 0,68%, para as 27.386,98 unidades, e o alargado S&P500 apreciou 0,64%, para as 3.349,16.

Os investidores receberam bem os números semanais do Departamento do Trabalho, que mostraram que 1,19 milhões de pessoas se tinham inscrito para o subsídio de desemprego na semana passada, um número em baixa em relação aos 1,43 milhões da semana anterior e melhor do que as expectativas dos analistas.

O governo vai divulgar na sexta-feira os números mensais do emprego e do desemprego no país.

“Sabemos que a reabertura beneficiou a economia em maio e junho”, disse Chris Low, da FHN Financial.

“Mas, em julho, a atenção mudou para a subida das novas infeções com o novo coronavírus e as novas restrições em Estados como Arizona, Califórnia ou Florida”, continuou.

Os analistas estão à espera de uma taxa de desemprego de 10,5% em julho e à criação de 1,48 milhões de empregos não agrícolas.

Entretanto, os investidores continuaram a seguir as negociações no Congresso, entre republicanos e democratas, sobre novas ajudas às famílias, empresas e coletividades atingidas pelas consequências da pandemia.

Low disse que os investidores estão “otimistas com a possibilidade de o Congresso chegar a um compromisso em breve”, apesar de os assuntos sem acordo serem numerosos.

RN // JPF

Com estes resultados, ingleses e suíços são os últimos a constar entre as oito melhores equipas da segunda prova de clubes mais importante da UEFA, num lote que já contava com Manchester United, FC Copenhaga – pela primeira vez nesta fase da prova -, Inter Milão, Sevilha, Bayer Leverkusen e Shakhtar Donetsk, treinado pelo português Luís Castro.

Na próxima fase, os ‘wolves’ vão discutir um lugar na meias-finais com o Sevilha, enquanto o Basileia, que hoje bateu o Eintracht Frankfurt por 1-0, vai ser o opositor do Shakhtar Donetsk.

Depois da igualdade a um golo na Grécia, o encontro no Molineux não poderia ter começado melhor para os ‘wolves’, que tiveram no ‘onze’ os portugueses Rui Patrício, João Moutinho, Rúben Neves e Daniel Podence, o jogador que sofreu falta dentro da grande área provocada pelo guarda-redes Allain.

O avançado mexicano Raúl Jiménez, aos nove minutos, encarregou-se de cobrar grande penalidade, antes de Rúben Vinagre ser opção, aos 17, para ocupar o lugar do lesionado Jonny, ao contrário de Bruno Jordão e Pedro Neto, que não saíram do banco de suplentes.

A equipa do ‘Pireu’, que teve Cafu entre os suplentes, mas não contou com José Sá e Rúben Semedo, até restabeleceu o empate, aos 28, por Mady Camara, mas o tento foi anulado pelo videoárbitro (VAR) por posição de irregular de El Arabi, autor da assistência.

No segundo tempo, já com Diogo Jota em campo, as ocasiões foram várias para ambos os lados, com o jogo a ficar ‘partido’ a meio-campo. Podence e Jota tiveram nos pés chances para ‘matar’ a eliminatória, enquanto El Arabi, Guilherme e Koka não conseguiram bater Patrício.

Com o ‘passaporte’ quase garantido para os ‘quartos’, à partida para a segunda mão, o Basileia não só se limitou a jogar com a vantagem (3-0) conseguida na Alemanha, como ainda bateu pela margem mínima o conjunto de Frankfurt, que teve André Silva de início e Gonçalo Paciência a render, precisamente, o compatriota, ao intervalo.

O médio helvético Fabian Frei fez o único golo do encontro, à passagem do minuto 88.

Horas antes, o Bayer Leverkusen confirmou a passagem, ao vencer, novamente, o Rangers, e a Roma, de Paulo Fonseca, ‘caiu’ aos pés do Sevilha, num jogo disputado a uma mão, em que, segundo o técnico português, o adversário foi “muito melhor equipa”.

“Estou muito dececionado, merecemos perder porque o Sevilha, neste momento, é muito melhor equipa que nós, jogou muito melhor e há que aceitar a sua superioridade. Foi difícil jogar contra eles”, resumiu Paulo Fonseca, acrescentando que é “o principal responsável” pela eliminação.

A ‘final a oito’ da Liga Europa vai disputar-se em Dusseldorf, Colónia, Duisburgo e Gelserkirchen, de 10 a 21 agosto.

AJC // RPC

Palavras-chave:

“Hoje acaba o castigo. Sempre que erro, assumo os meus erros e pago pelos mesmos. O que não nos mata torna-nos mais fortes. Ficou tudo para trás e agora encontro-me mais forte e mais motivado do que nunca. Quero agradecer a todos os que me apoiaram nesta fase menos boa, foram poucos, mas foram suficientes para hoje estar aqui, de pé, e lutar pelos meus sonhos”, escreveu o extremo na conta oficial na rede social Instagram.

O castigo foi imposto depois de o futebolista ver no início de fevereiro o cartão vermelho direto na derrota por 3-1 da sua equipa em Nimes, para a 22.ª jornada da Liga francesa, após ter empurrado por duas vezes o árbitro Mikael Lesage, em reação à expulsão do colega de equipa Bakayoko.

Gelson, de 25 anos, estava a cumprir a segunda temporada ao serviço do Mónaco, pelo qual marcou quatro golos em 23 jogos.

MO (RPM) // RPC

Palavras-chave: