Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

EDP acena com 45 milhões para investimento em startups

Web Summit

EDP Renováveis

Além do potencial financiamento a projetos empresariais inovadores selecionados no elevator pitch da elétrica, a EDP leva à Web Summit 13 startups para as expor ao ecossistema do evento.

A EDP Ventures, braço da EDP para o investimento em projetos inovadores de empresas em fase de lançamento, está de novo este ano na Web Summit à procura de projetos para financiar, acenando com um bolo global de 45 milhões de euros.

Em comunicado, a energética anuncia que vai estar na cimeira digital em Lisboa com a EDP Elevator Pitch, iniciativa que concede um minuto (o momento denominado pitch) ao responsável de um projeto empresarial para apresentar o seu conceito perante potenciais investidores.

Os melhores pitches feitos nesse “elevador” podem depois aprofundar a apresentação no EDP Innovation Lounge e aí, caso se enquadrem na atividade da elétrica (energias limpas, armazenamento de energia ou redes inteligentes, por exemplo), podem vir a tornar-se seus parceiros e beneficiar de investimento.

O valor disponível junto da EDP Ventures está distribuído por três fundos, dois dos quais com vertente nacional (apoio a startups portuguesas e no Brasil) e um com abrangência global. Desde a sua criação a EDP Ventures investiu €27 milhões.

Este ano a empresa leva ainda 13 startups ao evento tecnológico que se realiza no Parque das Nações – quatro portuguesas em que a EDP já investiu (Glartek, Jungle, Loqr e EGG), quatro espanholas e duas do Brasil. Irlanda, Suíça e Índia marcam presença com uma empresa cada

Na terça-feira o CEO da elétrica, António Mexia, tem ainda agendada uma intervenção de 15 minutos sobre o papel da inovação dentro da EDP no espaço planet:tech.

Nas edições de 2016 e 2017 da Web Summit a EDP lançou 20 projetos-piloto com empresas e investiu em três startups, uma delas a empresa de ciber-segurança israelita Aperio, refere o comunicado.