Gouveia, 22 ago (Lusa) - Depois do descanso, os 131 ciclistas que ainda resistem na 74.ª edição da Volta a Portugal em bicicleta enfrentam hoje, na sétima etapa, mais um dia decisivo para determinar do vencedor final.

Com praticamente dois terços da Volta deixados para trás, chegam os momentos das grandes decisões: Gouveia assinala a partida de 7.ª etapa, uma "quebra-pernas" de 185,3 quilómetros, com uma escalada nas íngremes e empedradas ruas da Guarda no percurso que termina no Sabugal.

É o prenúncio da entrada na Serra da Estrela, o teste à fibra do camisola amarela, Hugo Sabido, e às capacidades dos seus mais diretos concorrentes, em especial o espanhol David Blanco, quatro vezes vencedor da Volta, que segue em quinto lugar, a 51 segundos.