Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cidades europeias para ir com as crianças

Turismo e Aviação

São cada vez mais os países que apostam em espaços dedicados aos mais novos. Os destinos turísticos mais frequentados no espaço europeu perceberam que as crianças são um público importante. Em muitos casos são elas o fator decisivo na escolha do destino de férias.

De Amesterdão a Berlim, passando pela Islândia e Dinamarca. Dos castelos das histórias de encantar aos jardins zoológicos, passando pelos restaurantes 'amigos das famílias' aos museus. Agora viajar pela Europa com crianças é uma tarefa mais simples. Há um número crescente de cidades 'amigas das crianças', sejam bebés ou adolescentes. A oferta abrange todas as idades.

Tome nota do top 10 dos melhores destinos europeus para passear com os mais novos.

  • 1.       Copenhaga (Dinamarca)

Castelos de contos de fadas, paisagens inspiradoras, edifícios brilhantemente coloridos e uma cultura onde crianças e adultos são tratados como iguais, fazem de Copenhaga um dos primeiros pontos de passagem pela Europa. Lá encontramos dois dos parques de diversões mais antigos do mundo, que vão fazer com que queira lá ficar para sempre. O Blue Planet, o maior aquário da Europa do norte, garantidamente faz as delícias dos mais novos e dos adultos com os seus mais de 20 mil animais. A cidade oferece também um centro de ciência, um jardim zoológico, um museu para crianças e um museu ao ar livre (um dos maiores do mundo), bem como diversos parques verdes onde as crianças podem correr e brincar livremente.

  • 2.       Amesterdão (Holanda)

Quando ouvimos falar de Amesterdão o primeiro pensamento não é para 'cidade amiga das crianças', mas o facto de ter uma cultura descontraída faz com que seja uma das cidades perfeitas para passar férias em família. Há comida 'amiga das crianças', como panquecas e as famosas batatas fritas, bem como circuitos de bicicleta apropriados para passeios em família. Há ainda um museu que no Verão vê o seu terraço ser transformado em praia.

  • 3.       Paris (França)

A cidade mais visitada da Europa não podia ficar de fora desta lista.

Desde animação de rua diária e em todas as ruas à deliciosa comida que está por todo o lado, as crianças vão maravilhar-se com a cidade. Não esquecer a Torre Eiffel, em que a maior decisão vai ser usar as escadas ou o elevador. Os mais novos vão ficar boquiabertos com a enormidade do monumento, mais do que os adultos. Outra das passagens obrigatórias são os Jardins do Luxemburgo, onde as crianças têm uma panóplia de atividades à escolha. Museus, parques verdes e galerias, as possibilidades são infinitas. Como ponto muito positivo está a facilidade de utilização da rede de metro, que simplifica as viagens.

  • 4.       Reiquiavique (Islândia)

Uma cidade segura e compacta que dá as boas-vindas a crianças de todas as idades, deveria figurar no topo das escolhas como pontos a considerar na altura de levar os pequenos pela Europa. Felizmente, Reiquiavique oferece não só segurança e proximidade como muitas outras atividades familiares. Numa cultura onde os bebés são frequentemente deixados a dormir nos seus carrinhos enquanto os pais fazem as compras, é um sinal claro de que não se deve deixar esta cidade de fora. Desde os espaços termais com piscinas e escorregas específicos para crianças à observação das luzes do norte (aurora boreal), a observação de baleias e experimentar armaduras vikings, esta cidade te atividades para todas as idades.

  • 5.       Londres (Reino Unido)

A terra natal do Harry Potter, do Urso Paddington, da Mary Poppins, do Peter Pan, entre tantas outras personagens. Em que parte do mundo podem os mais novos encontrar um país onde tantas personagens da sua infância 'nasceram' se não no Reino Unido? Castelos, torres e uma Guarda Real real, fazem as delícias dos mais novos. Um bónus que a cidade de Londres nos oferece é o número infinito de museus gratuitos e descontos razoáveis nos transportes públicos. Para os amantes de parques verdes, o ideal será pegar num cesto de piquenique e rumar ao parque de St. James, onde pode caminhar até ao Palácio de Buckingham e atravessar o Green Park e o Hyde Park, terminando no Kensington Garden.

  • 6.       Barcelona (Espanha)

Com cores vibrantes pelas ruas e um ambiente cultural 'amigo das crianças', Barcelona implora para ser descoberta pelos mais novos e também pelos adultos. As ruas estão repletas de animação, artistas que engolem fogo, que fazem malabarismo com espadas. Um ponto que não pode ficar de fora é o Museu do Chocolate, onde é possível participar na confeção de chocolate.

  • 7.       Viena (Áustria)

Para além de ter um dos melhores sistemas de trânsito do mundo, Viena tem estado muito à frente no que respeita a uma 'cidade amiga das crianças'. O Palácio de Schönbrunn deve constar como um dos primeiros locais a visitar na aventura pela cidade. Os jardins, o jardim zoológico mais antigo do mundo e um museu para crianças, são mais do que motivos para despender um dia em Viena. O museu de Belvedere é um local a considerar e onde os mais novos ficarão facilmente entretidos, dado que o museu disponibiliza um jogo de detetives que lhes permite embarcar numa aventura pelo museu. A visita a Viena não fica completa sem um gelado e uma volta de carruagem pela cidade.

  • 8.       Roma (Itália)

Roma é a cidade onde os habitantes são as boas-vindas às crianças que por ali passam, onde a pizza é o prato de eleição e a história está repleta de gladiadores e batalhas. Esta cidade é uma 'terra encantada' para os mais novos. Apesar de ser uma cidade onde os percursos a pé são privilegiados, há outras alternativas como os autocarros turísticos e o metro, que permitem fazer deslocações mais rápidas e mais divertidas. Com fontanários em cada esquina, degraus para subir e o velho Coliseu de Roma para ser explorado, não é de admirar que tantas famílias se desloquem para esta cidade todos os anos.  

  • 9.       Berlim (Alemanha)

Nas últimas décadas Berlim tem-se tornado numa cidade 'amiga das economias familiares', um destino de férias 'amigo das crianças' e foi nomeada como a cidade mais 'amiga das famílias' em Agosto do corrente ano. Em paralelo com a popular cidade do Lego e o AquaDome está a praça Kollwitz, um verdadeiro oásis no centro de Berlim. Pontes de madeira, parques infantis e lojas para os adultos, este é um local a não perder. O jardim zoológico mais antigo da Alemanha encontra-se também em Berlim e orgulha-se de albergar o maior número de espécies do mundo.

Os mais novos vão deliciar-se com as obras de arte que se encontram nas paredes de toda a cidade, ou com os museus, ou com os enormes quartos de hotel, ou ainda com os imensos km de ciclovias. 

  • 10.   Lisboa (Portugal)

Onde mais se pode sair para jantar, ter uma refeição descansado acompanhada de um bom vinho, enquanto as crianças estão entretidas numa zona do restaurante denominada de 'apenas para crianças'? Lisboa não só oferece um vasto número de restaurantes onde os pais podem apreciar o tempo de qualidade juntos como também oferece diversas atividades em família.

Relaxar numa das muitas praias enquanto os mais novos se divertem na areia, experimentar um dos elétricos que atravessa a cidade, Lisboa está cheia de aventura. O maior castelo da cidade encoraja os petizes a mergulhar no mundo das catacumbas, dragões, reis e rainhas. O aquário e o jardim zoológico permitem contacto direto com espécies de todo o mundo.