Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Florença, A Cidade da Arte

Tapas, Vida e Viagens

  • 333

Todos os elogios que havíamos ouvido até à data se confirmaram. Florença é uma cidade encantadora que vive submersa num ambiente medieval e artístico contagiante.

HISTÓRIA E CULTURA - Em Melgaço, no Espaço Memória e Fronteira, recordase o tema do contrabando na região. Ainda no centro histórico da vila, há o Museu do Cinema, criado a partir da coleção de Jean Loup Passek. Além de máquinas, cartazes originais em tela e fotografias, o edifício também acolhe exposições temporárias.
1 / 18

HISTÓRIA E CULTURA - Em Melgaço, no Espaço Memória e Fronteira, recordase o tema do contrabando na região. Ainda no centro histórico da vila, há o Museu do Cinema, criado a partir da coleção de Jean Loup Passek. Além de máquinas, cartazes originais em tela e fotografias, o edifício também acolhe exposições temporárias.

DESPORTOS RADICAIS - Uma emocionante descida das águas bravas do rio Minho, percursos pedestres por caminhos e trilhos, tiro com arco, passeios de BTT e paintball (mais em www.melgacoradical.com).
2 / 18

DESPORTOS RADICAIS - Uma emocionante descida das águas bravas do rio Minho, percursos pedestres por caminhos e trilhos, tiro com arco, passeios de BTT e paintball (mais em www.melgacoradical.com).

ENOTURISMO - Também em Melgaço, no Edifício dos Três Arcos, fica o Solar do Alvarinho. Há provas de vinho ou espumante e, na loja, peças de artesanato e produtos regionais.
3 / 18

ENOTURISMO - Também em Melgaço, no Edifício dos Três Arcos, fica o Solar do Alvarinho. Há provas de vinho ou espumante e, na loja, peças de artesanato e produtos regionais.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
4 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
5 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
6 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
7 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
8 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
9 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
10 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
11 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
12 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
13 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
14 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
15 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
16 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
17 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.
18 / 18

PALÁCIO DA BREJOEIRA - O Palácio da Brejoeira, em Monção, a 30 quilómetros de Melgaço, é um edifício com fachada de estilo neoclássico e influência barroca. No interior, há amplos salões, candelabros gigantescos, frescos de temática mitológica, luxuosas tapeçarias, pratas e louças do Oriente. Percorra o bosque, os jardins, a romântica «ilha dos amores» ou as vinhas.

 

 Saímos de Roma, rumo a Florença. Optámos por fazer a viagem de comboio com a duração de 1h30m, uma forma rápida, confortável e barata (19 euros) de saltar de uma cidade para a outra.

Todos nos diziam maravilhas de Firenze, elogios que viemos a confirmar assim que pisámos a cidade.

Florença é a capital e maior cidade da região da Toscana, berço do renascimento italiano e a cidade que viu nascer Dante, autor da "Divina Comédia".

Em toda a cidade respira-se um ambiente medieval e artístico entre ruas estreitas, igrejas milenares, cúpulas ornamentadas, casarões antigos e catedrais de épocas e estilos diferentes.

Uma cidade que vive nas margens do Rio Arno com as suas magníficas pontes ancestrais e onde se encontram duas das galerias mais concorridas do mundo, a Uffizi Accademia, onde podemos admirar as obras de artistas como Michelangelo, Leonardo da Vinci, Botticelli, Donatello, entre tantos outros.

A melhor forma de conhecer Florença é a pé. O centro histórico é plano e as principais atracções, restaurantes e hotéis encontram-se por ali.

Há quem diga que a região onde se come melhor em Itália é na Toscana. Há restaurantes para todos os gostos e bolsos, desde estabelecimentos com menus simples e rápidos, e outros com opções mais tradicionais e requintadas.

Algumas especialidades locais incluem a Crostini alla Toscana (torrada com fígado de galinha), bistecca alla fiorentina (carne de muito boa qualidade grelhada), fartas sandes com porchetta, e zuccotto (um guloso bolo recheado de amêndoas), todos estes pratos obrigatoriamente acompanhados com um bom vinho da região.

Para além de toda esta dolce vita, há lugares que merecem ser visitados como a Duomo e o Batistério, a Galleria degli Uffizi, o Bargello, o Museu da Ópera, o Palácio Pitti e a Capela dos Médici em San Lorenzo. Sem nunca esquecer claro, saborear um cappuccino na Piazza della Signoria e passear pela Ponte Vecchio.

No caso de terem pouco tempo para visitar a cidade, já sabem que aconselho a dispensarem as visitas a museus (onde se demora muito tempo nas filas de espera e na visita propriamente dita) e dedicarem-se a passeios a pé ou de bicicleta, descobrindo curiosidades bonitas pelas ruas da cidade, desfrutar das iguarias que nos são oferecidas nos restaurantes, visitarem um ou outro mercado, preguiçarem numa esplanada, e deixarem-se ir no doce flow de Florença. 

Acompanhem-me no Facebook e no Tapas na Língua