Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

A Europa está a fervilhar: cinco bons motivos para viajar

Europa

  • 333

Acontecimentos e exposições que podem servir de pretexto para visitar uma destas cidades: Paris, Amesterdão, Bruxelas, Madrid, Londres

LONDRES - A festa das compras é na Carnaby Street, a 2 de Maio.
1 / 12

LONDRES - A festa das compras é na Carnaby Street, a 2 de Maio.

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.
2 / 12

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.
3 / 12

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.
4 / 12

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.
5 / 12

BRUXELAS - As criações de Yves Saint-Laurent estão, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga.

PARIS - No Museu do Luxemburgo (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho.
6 / 12

PARIS - No Museu do Luxemburgo (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho.

PARIS - No Museu do Luxemburgo (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho.
7 / 12

PARIS - No Museu do Luxemburgo (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho.

PARIS - No Museu do Luxemburgo (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho.
8 / 12

PARIS - No Museu do Luxemburgo (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho.

MADRID - O hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. Na foto, Don Eddy, Sem título, 1971.
9 / 12

MADRID - O hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. Na foto, Don Eddy, Sem título, 1971.

MADRID - O hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. Na foto, John Kacere, 1972.
10 / 12

MADRID - O hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. Na foto, John Kacere, 1972.

MADRID - O hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. Na foto, Audrei Flack, Queen, 1976.
11 / 12

MADRID - O hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. Na foto, Audrei Flack, Queen, 1976.

AMESTERDÃO - Após uma década de obras de renovação, o Rijksmuseum (Museu Nacional) de Amesterdão volta a abrir as portas, a 13 de abril.
12 / 12

AMESTERDÃO - Após uma década de obras de renovação, o Rijksmuseum (Museu Nacional) de Amesterdão volta a abrir as portas, a 13 de abril.

1 - LONDRES

Festa das compras Dia 2 de maio, a célebre Carnaby Street tem o seu dia mais popular, com descontos generalizados de 20% em todos os produtos de todas as mais de 100 lojas das 13 ruas da zona que, nos anos 60, ditou a moda da capital britânica. Para além dos descontos, os visitantes têm acesso a um vasto programa de animações e bebidas grátis. No dia 30 de maio, a festa das compras muda-se para a área de Seven Dials, também com descontos de 20% e diversas animações. www.sevendials.co.uk

2 - BRUXELAS

O revolucionário da moda O olhar visionário de Yves Saint-Laurent nos mundos da moda e da cultura do século XX está patente, até 5 de maio, numa grande exposição no Centro Cultural ING, na capital belga. Muitas das obras expostas são peças inéditas que nunca foram exibidos anteriormente, mas que ajudam a compreender a forma como o estilista revolucionou o papel da mulher na moda e na sociedade.

3 - PARIS

Arte de Chagall entre guerras Grande exposição sobre a obra do artista, desaparecido em 1985, que atravessou o século XX, conheceu uma revolução, duas guerras mundiais e o exílio, além de ter convivido com alguns dos criadores mais importantes da arte contemporânea. No Museu do Luxemburgo, em Paris, (19, rue de Vaugirard), a exposição Chagall entre a guerra e a paz patente até 21 de julho é um dos grandes acontecimentos da temporada, na capital francesa, e uma oportunidade para acompanhar as correntes artísticas e estilísticas que definiram os nossos tempos. www.museeduluxembourg.fr

4 - MADRID

O movimento hiper-realista Movimento artístico surgido no final dos anos 60, nos Estados Unidos, o hiper-realismo está agora patente no Museu Thyssen-Bornemisza, em Madrid, até 9 de junho. São 66 obras, procedentes de diversos museus e coleções particulares, que mostram como, numa determinada época, um grupo de artistas pintava, com extremo realismo, objetos e cenários da vida quotidiana, utilizando a fotografia como base para a realização das obras. Esta antologia do hiper-realismo inclui obras de alguns dos seus autores mais importantes como Richard Estes, John Baeder, Robert Bechtle, Tom Blackwell, Chuck Close e Robert Cottingham

5 - AMESTERDÃO

Grande reabertura Após uma década de obras de renovação, o Rijksmuseum (Museu Nacional) de Amesterdão volta a abrir as portas, a 13 de abril, como se fosse uma verdadeira inauguração. O projeto de renovação, dirigido pelos arquitetos sevilhanos Antonio Cruz e Antonio Ortiz, foi de tal forma profundo que é quase um novo museu que será inaugurado intenção sublinhada, também, pelo material gráfico, com a criação de um novo (e polémico) logótipo. No seu interior, repleto de luz, podem apreciar-se as obras mais representivas de uma história rica de 700 anos dos Países Baixos.