Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

A etiqueta diz que "essa" peça de roupa não pode ir para a máquina. Mas será bem assim?

VISÃO Saúde

Khatawut Chaemchamras / EyeEm/ Getty Images

Algumas peças mais delicadas têm informação na etiqueta de que devem ser, estritamente, lavadas a seco. Mas talvez não seja necessário

Toda a gente já estragou roupa que adorava, muitas vezes porque não leu a etiqueta com as informações de lavagem, que devem ser seguidas para que não haja dissabores.

Muitas peças de seda e lã devem ser lavadas a seco mas a verdade é que nem sempre é preciso ser tão rigoroso. Pelo menos, é o que dizem especialistas relacionados com o tratamento do vestuário ao New York Times. Um mestre alfaiate, uma especialista em lavandaria e outra em limpeza de tecidos finos falaram ao jornal, explicando em que casos é que se devem seguir as regras impostas pelas marcas e quando podem abrir-se exceções.

"As instruções dadas nas etiquetas das roupas não são necessariamente a melhor forma de limpar determinados produtos", afirma Lindsey Boyd, co-fundadora da The Laundress, marca americana de lavandaria especializada. O segredo (ou não), dizem os especialistas, está no tecido, ou seja, as peças feitas de fibras vegetais, tal como o algodão e o linho, e outros tecidos duráveis como o nylon e o poliéster, têm a informação de que podem ser lavadas na máquina. Contudo, quando os tecidos são demasiado frágeis - o que pode justificar o facto de terem a indicação de lavagem a seco - os especialistas afirmam que, na maioria, essas roupas podem ser lavadas à mão de forma segura.

"Produtos feitos de lã, seda, linho, algodão e outras fibras naturais podem, geralmente, ser lavados à mão", defende Gerri Young, fundador de uma empresa de limpeza especializada em linho fino, a Allo Laverie. O profissional afirma ainda que, apesar de as peças feitas de caxemira terem a informação de que devem ser lavadas a seco, este tecido tolera, normalmente, muito bem a água.

Já Martin Greenfield, dono de uma alfaiataria, a Martin Greenfield Clothiers, disse ao New York Times que a lã raramente precisa de lavagem a seco. O alfaiate explica que o líquido utilizado na limpeza a seco é "muito cáustico em lãs finas" e que, por isso, a sua empresa tenta evitar fazê-lo ao máximo. Além disso, afirma Martin Greenfield, a limpeza a seco de certos tecidos delicados pode fazer com que eles se desgastem mais facilmente e que percam o brilho natural.

Cora Harrington, fundadora da marca americana The Lingerie Addict, alerta para o facto de que a lã nunca pode ser colocada na máquina de secar, muito menos ser lavada com água quente.

Por isso mesmo, a lavagem à mão pode ser uma solução mais eficaz e segura. Os especialistas alertam, contudo, para a importância de se utilizarem detergentes próprios, normalmente para produtos delicados. "Basta encher uma bacia com água morna (nunca quente), colocar o detergente e deixar atuar durante 15 mintuos. Depois, espremer bem o excesso de água e deixar secar ao ar", recomendam os especialistas.

Mas como ter a certeza que se podem lavar à mão as peças de roupa?

Os especialistas sugerem que se teste o tecido antes da sua lavagem, para se perceber se há transferência de cor. "Pegue numa zona da peça que não se veja, como a costura do lado ou a bainha, e mergulhe-a na água", aconselhou Lindsey Boyd. "Se vir que a cor muda, não recomendamos lavar."

O preço é outro ponto a ter em conta, dizem os especialistas, já que sedas mais baratas e de baixa qualidade são menos estáveis do que as mais caras, sendo que podem não reagir tão bem à lavagem manual. “Um bom teste para produtos de seda é fazer uma bola com as mãos com a peça e depois soltar. Se o tecido ficar fluído, provavelmente funcionará bem com a lavagem à mão. Se ficar dobrado ou enrugado, leve a peça para a lavandaria”, recomenda Gerri Young.

Caso o produto seja composto por dois tecidos diferentes ou uma mistura de tecidos, deve limpá-lo de acordo com as exigências do mais delicado. Por exemplo, a seda pode ser lavada manualmente, mas uma peça que seja feita de seda e viscose (que requer lavagem a seco), não deve ser lavada manualmente em casa.

E, se a peça tiver adornos delicados como pérolas e brilhantes, a limpeza a seco é o mais aconselhado.

CONHEÇA A NOVA EDIÇÃO DIGITAL DA VISÃO. LEIA GRÁTIS E TENHA ACESSO A JORNALISMO INDEPENDENTE E DE QUALIDADE AQUI