Visão Mais

Siga-nos nas redes

Perfil

Bebés riem-se como os macacos

Visão Mais

Johnny Valley/ Getty Images

Podem "derreter" os pais e não só, mas um novo estudo chegou a uma conclusão inesperada: as gargalhadas dos bebés não são semelhantes às dos humanos adultos mas sim às dos outros primatas

Pode começar por soltar uma gargalhada. O som é produzido com a exalação, certo? O que uma equipa de investigadoras - psicólogas e uma especialista em fonética - descobriu foi que no caso dos bebés não é bem assim.

Disa Sauter, da Universidade de Amsterdão, na Holanda, e a sua equipa, pegaram em pequenos vídeos disponíveis online com gargalhadas de 44 crianças entre os 3 e os 18 meses de idades e pediram a 102 ouvintes, recrutados entre os estudantes de psicologia, que avaliassem se as gargalhadas eram produzidas na exalação ou na inalação.

As investigadores concluiram que os bebés mais novos riam-se tanto numa como na outra, tal como os macacos ou os chimpanzés. Já as gargalhadas dos bebés com mais idade eram produzidas maioritariamente pela exalação, como as crianças mais velhas e os adultos.

"Os adultos humanos às vezes riem-se na inalação mas a proporção é acentuadamente diferente da verificada nas gargalhadas dos bebés e dos chimpanzés", sublinhou Sauter, na apresentação das conclusões do estudo, durante uma conferência na Semana da Acústica do Canadá.

Como se dá o passo de um tipo de riso para o outro? "Os nossos resultados, para já, sugerem que essa é uma mudança gradual e não súbita", explica a psicóloga, adiantando que a transição não parece estar associada a qualquer marco do desenvolvimento dos bebés.

Sauter sublinha, no entanto, que na base destes resultados está a perceção de ouvintes não especialistas, embora os vídeos já tenham sido entregues para análise a um grupo de foneticistas. Falta também analisar se há alguma relação com o que provoca o riso: por exemplo, cócegas, como acontece com os bebés, versus achar graça a alguma coisa que é dita, como acontece com os adultos.

Entre os primatas, os humanos são os únicos que se riem quase exclusivamente na exalação, com a investigadora a avançar que pode ter a ver com o controlo vocal que os homens desenvolvem para aprenderem a falar.