Visão Mais

Siga-nos nas redes

Perfil

Pessoas conscienciosas e organizadas têm melhor função sexual

Visão Mais

DR

Um estudo alemão recente dá conta de que o sexo programado pode ser mais satisfatório. Portanto, organize-se!

Ser consciencioso e planear bem todas as tarefas do dia-a-dia são, normalmente, vistas como características positivas, mas não atraentes. Mas agora, sabe-se que este traço pode ser benéfico no que diz respeito à vida sexual.

Um estudo de uma equipa de piscólogos alemães da Ruhr-University Bochum, na Alemanha, publicado na revista científica The Journal of Sex Research, analisou dados de mais de 900 casais alemães a maioria era heterossexual -perguntando-lhes sobre a qualidade das suas vidas sexuais, assim como relativamente a traços das suas personalidades.

A cada uma das pessoa foi pedido que avaliassem os seus próprios níveis e os do seu parceiro relativamente aos cinco fatores que, de acordo com os psicólogos, constituem a personalidade de uma pessoa e denominam por Big Five: extroversão, abertura para a experiência, conscienciosidade, agradabilidade e instabilidade emocional.

O objetivo era perceber se havia algum vínculo entre a personalidade e a vida sexual. Os pesquisadores descobriram que, no geral, as pessoas conscienciosas e com tendência ao planeamento antecipado têm melhor função sexual relativamente às outras,

Além disso, aquelas que são mais eficientes e disciplinadas têm também maior probabilidade de ter uma vida sexual mais satisfatória. Já as mulheres cujos parceiros sexuais eram sexualmente inibidos relataram menor função sexual, mas aquelas com parceiros mais conscienciosos tinham melhor função sexual.

"Homens meticulosos e obedientes podem sentir a necessidade de satisfazer a sua parceira sexualmente, o que pode, dessa forma, levar a uma melhor função sexual das suas parceiras," referem os investigadores.

Os pesquisadores sugerem, também, que as pessoas conscienciosas têm mais probabilidade de terem relações mais longas e felizes, já que dão muita importãncia à realização sexual nos seus relacionamentos. O facto de se planear, de alguma forma, a intimidade, também pode fazer com que haja uma melhor comunicação e uma maior tentativa de resolução dos problemas sexuais dos casais.