Visão Mais

Siga-nos nas redes

Perfil

Dois produtos simples é tudo o que é preciso para combater as rugas

Visão Mais

D.R.

Há cremes que prometem atenuar, ou mesmo fazer desaparecer as rugas, para todos os gostos e carteiras. Mas, diz quem sabe, pode tudo resumir-se a dois produtos, que nem precisam ser caros

Cátia Leitão

A partir de uma certa idade, começam as preocupações com o aparecimento dos primeiros sinais de envelhecimento e com formas de o combater. Há quem gaste bastante dinheiro em produtos com os quais não chega sequer a ver melhorias. Agora, uma equipa de especialistas revelou à BBC que para lutar contra os sinais de envelhecimento só precisa de dois produtos e que estes são encontrados a preços muito acessíveis.

No programa "The Truth About Looking Good", a apresentadora Cherry Healey decidiu consultar especialistas para tentar descobrir o que realmente resulta contra os principais sinais de envelhecimento como rugas e manchas. Os entendidos no assunto revelaram que nem sempre os produtos mais caros são os melhores e que existem formas de combater o envelhecimento antes de ponderar recorregar a procedimentos cirurgicos como a aplicação de botox.

Chris Griffiths, dermatologista e professor na Universidade de Manchester, revelou que "a exposição solar é responsável pela maioria das características clínicas que vemos no envelhecimento da pele" e estima que 75% dos sinais de envelhecimento são causados por essa exposição. Poluição e tabagismo são outros dos fatores que influenciam este processo. O especialista diz mesmo que uma pessoa de 60 anos de idade que nunca tivesse sido exposta ao sol teria uma pele perfeita. Chris Griffiths recomenda que se evite a exposição solar o mais possível e acrescenta que o mais seguro para a pele é usar sempre um protetor solar mesmo nos meses mais frios.

Mas, uma vez que os danos estejam causados, há ainda forma de reverter este processo. Uma delas é a aplicação de botox mas se as agulhas não forem suas amigas ou se preferir um método mais em conta, ele também existe. Anjali Mahto, dermatologista na clínica Cadogan em Chelsea, revela que "os produtos que contém retinol realmente funcionam" e justifica-se com um estudo da Universidade de Michigan que analisou o estado da pele dos seus participantes antes e depois de estes realizarem um tratamento de 4 semanas com retinol. Esta investigação concluíu que após o período de análise, as imagens digitais dos pacientes mostraram uma significativa redução nas rugas.

Anjali Mahto revela que usar um produto com 0,1ml de retinol é o suficiente para produzir resultados mas que a dosagem pode ser aumentada. "Se não lhe causar demasiados problemas de irritação na pele, depois de uns meses de uso pode mudar para um produto com 0,3ml ou 0,5ml de retinol, deixe a pele habituar-se e mais tarde mude para 1% de retinol".

Retinol é uma molécula da vitamina A e o seu efeito ocorre no material genético da célula, aumentando assim a capacidade de renovação da pele, o que posteriormente age contra o envelhecimento e a formação de acne.

  • E se combater as rugas custar menos de 3 euros? 

    Sociedade

    Combater o envelhecimento não tem de custar uma fortuna. A tretinoína, o princípio ativo usado em produtos indicados no tratamento anti-rugas, é uma opção barata disponível nas farmácias, sujeito a receita médica, e que, garantem os dermatologistas, faz maravilhas