Visão Mais

Siga-nos nas redes

Perfil

Revelar gosto pela leitura torna as pessoas mais atraentes. Mas nem todos os livros servem

Visão Mais

  • 333

© Neil Hall / Reuters

Além de serem inesgotáveis fontes de conhecimento, os livros parecem também ser um interesse particularmente atraente na hora de impressionar alguém. Mas cuidado ao referir certos livros: podem ter o efeito oposto

Segundo uma análise do site de encontros eHarmony, os livros podem tornar as pessoas mais atraentes. Os dados registados mostram que os homens que indicaram ter hábitos de leitura receberam 19% mais contactos. O mesmo aconteceu com as mulheres, apesar da percentagem ser consideravalmente mais reduzida (cerca de 3%).

O site acrescenta ainda que as pessoas que gostam de livros são “intelectualmente mais curiosas do que a maioria e consideram mais fácil formar relações abertas e confiantes com outras pessoas”.

Mas nem todo o tipo de literatura é atraente. O resultado da pesquisa revelou que mencionar a Bíblia, por exemplo, irá prejudicar ambos os sexos. O mesmo se passa com o fenómeno 50 Sombras de Grey que fez cair a percentagem de sucesso das mulheres em 16%; já os homens que lêm a saga Harry Potter tornam-se 55% menos atraentes.