Visão Júnior

Siga-nos nas redes

Perfil

Vídeo: a cerimónia final de «Miúdos a Votos»

Miúdos a votos

Cerca de 600 crianças e 50 professores apertaram-se na Praça da Fundação Francisco Manuel dos Santos, na Feira do Livro de Lisboa, para conseguirem um bom lugar para assistirem à última parte da festa de «Miúdos a Votos», em que foram apresentados os resultados da votação nacional. Podes ver a cerimónia na íntegra

Apesar das quatro horas que tinham feito de camioneta, Eduardo Ferreira, 
13 anos, Eduarda Castro, 12, e Margarida Quintas, 15, acabados de chegar de Escariz, concelho de Arouca, estavam frescos. Cabia-lhes apresentar a cerimónia final de «Miúdos a Votos: quais os livros mais fixes?», o que fizeram como peixes na água.

À sua frente, além da miudagem, os três tinham também representantes das instituições que apoiam esta iniciativa: Comissão Nacional de Eleições, Plano Nacional de Leitura, Pordata e Rádio Miúdos. Com eles, no palco, estava Makaló, o boneco do patrocinador, a Malo Clinic.

Em homenagem aos 21 escritores portugueses com livros nomeados para estas eleições, um grupo da Escola Santiago Maior, de Beja, interpretou uma versão em cante alentejano da história de «A Girafa que Comia Estrelas», de José Eduardo Agualusa. Fizeram também outra música dedicada ao projeto, que não conseguiram apresentar em palco.

Alunos vindos de Loulé, Alfena (Valongo) e Alpiarça, que tinham feito campanha pelos livros mais votados, mostraram em palco porque estas são as suas histórias preferidas. Mas as últimas palavras couberam à secretária de Estado-Adjunta e da Educação, Alexandra Leitão: “Muito obrigada pelos bons momentos que me fizeram viver aqui. Esta é uma iniciativa com três grandes mais-valias: estimula o gosto pela leitura, ensina-vos como é importante votar e diverte-vos imenso! Espero que para o ano haja uma nova edição.”