Visão Júnior

Siga-nos nas redes

Perfil

Qual a mochila certa?

Visão Júnior

NFACTOS / FERNANDO VELUDO

Para evitares problemas na coluna, tens de ter em conta quanto pesas: nunca deves transportar o equivalente a mais de 10% do teu peso

Duas alças

Nunca escolhas uma mochila grande demais. A ideal é aquela que não ultrapassa a largura das tuas costas. Escolhe um saco com tiras acolchoadas e usa-as sempre bem apertadas. Atenção: nunca uses só uma alça ao ombro. O forro deve ser almofadado para te protegeres de algum objeto pontiagudo. Procura uma mochila com uma tira para apertares à cintura, assim o peso fica distribuído pelas costas. E se estiveres muito tempo de pé, pousa o saco no chão.

Mochila de duas alças

Mochila de duas alças

Divulga\303\247\303\243o

Sacos com uma alça

São os que dão mais estilo, mas os piores para o teu esqueleto. Se não lhes conseguires mesmo resistir, carrega-os com o mínimo peso possível – os cacifos da escola são uma boa alternativa para guardar os livros que não precisas para o dia – e muda regularmente o lado (ombro) onde colocas a alça.

Rodinhas

São as melhores para quem carrega muito peso. Mas atenção, vai alternando a mão com que puxas a mochila e não te entortes. De preferência, escolhe uma que seja leve, no máximo com um quilograma. Nunca deves transportar mais do que o equivalente a 10% do teu peso corporal e nestas mochilas tens de contar com o peso das rodinhas.