Porto, 27 jul (Lusa) - Produtores e comerciantes de vinho verde dispõem agora de uma bolsa "on line" criada pela Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV) que tem como objetivo "potenciar negócios diretos" entre as duas partes.

"O conceito é simples: os produtores colocam no sistema os vinhos disponíveis para venda e os comerciantes consultam a ferramenta desenvolvida pela CVRVV para comprar o que procuram", explica a comissão, numa nota enviada à Agência Lusa.

A Bolsa do Vinho Verde funciona desde hoje, já tem "cerca de 20 produtores inscritos" e, segundo o presidente da CVRVV, Manuel Pinheiro, destina-se a "trazer maior liquidez ao mercado e a criar mais mercado", procurando acrescentar-lhe valor.