Visão Verde

Siga-nos nas redes

Perfil

Vamos ter de dizer adeus à sardinha e ao bacalhau?

Visão Verde

Rui Duarte Silva

Os portugueses não passam sem peixe: somos os terceiros consumidores a nível mundial. Mas a nossa preferência gastronómica pode estar em risco.

Poluição, alterações climáticas, desperdícios, má gestão dos recursos aquacultura e um consumo de peixe a nível mundial, sempre a subir desde 1961, levaram a que praticamenente 90% dos recursos pesqueiros estejam sobre-explorados ou no limite da sustentabilidade. E a aquacultura, tal como tem vindo a ser praticada, também não é a solução: para fazer um quilo de dourada são precisos um quilo e meio de ração seca. Até quando vamos ter peixe?

Fique a par do estado do mar, com alguns indicadores

3,2%
Taxa de crescimento anual do consumo mundial de peixe, desde 1961

73,8
milhões de toneladas
De peixe produzido em aquacultura

41%
Do atum é sobre-explorado

160
milhões de toneladas
Consumo anual de peixe, no mundo

62%
Da produção de peixe em aquacultura está na China

1,5 kg de ração para produzir um quilo de dourada

SAIBA MAIS SOBRE ESTE TEMA NA VISÃO VERDE DESTA SEMANA, QUINTA FEIRA NAS BANCAS

DISPONÍVEL TAMBÉM: